Como eu encontrei minha eParceira que iniciou este ministério!

Um dia eu estava em meu cantinho de oração, depois de ter literalmente clamado a Deus, e tive a visão de uma mulher que eu tinha visto, mas que não conhecia pessoalmente em um estudo bíblico que eu havia participado, mas que já havia terminado.

Eu não tinha ideia de como ela se chamava ou de como contatá-la, mas de alguma forma eu sabia que era alguém que me entenderia e que o Senhor estava me dando como uma resposta à minha oração e que eu não estava louca. Quando eu pedi a Deus para confirmar se eu estava ouvindo a Ele corretamente, Ele me guiou até o meu velho caderno onde eu vi o número de telefone da minha professora de estudos bíblicos. Quando liguei para ela, eu gaguejei tentando descobrir como pedir o número dessa mulher cujo nome eu não sabia. Eu também não sabia explicar a razão pela qual eu queria entrar em contato com ela (pois o Senhor já tinha me ensinado sobre manter a discrição a essa altura). Depois de um longo minuto, minha professora me interrompeu e disse: "Seu nome é Sue e ela já ligou pedindo o número do seu telefone também"!! Ela me deu o número de Sue, eu me despedi rapidamente, e desliguei. Em seguida, eu liguei para a “Sue”.

Sue e eu nos encontramos pela primeira vez em um bom restaurante tranquilo, logo nos abrimos uma com a outra e compartilhamos o porquê de Deus ter nos unido. Sue disse que seu marido havia ido "trabalhar" em outro estado, nos últimos cinco anos, vindo em casa apenas poucas vezes para uma visita de fim de semana, mas ela suspeitava desde o início que havia uma outra mulher. Ao contrário de mim, ela sabiamente nunca havia o confrontado sobre isso e nem mesmo tinha perguntando nada a ele sobre o que estava acontecendo. Isso me mostrou que ela era uma pessoa de confiança e que me ajudaria a permanecer no caminho estreito que eu fui chamada para percorrer.

Então, quando ela terminou, eu compartilhei a minha situação e fiz questão de compartilhar todos os meus erros (leia 2 Coríntios 12:9 para aprender mais sobre este princípio poderoso), e isso fez com que eu me sentisse tão bem ao confessar para alguém que eu sabia que me não julgaria, não daria “conselhos” tolos e destrutivos, mas que compreendia que Ele poderia fazer o impossível. Naquela noite o meu próprio ministério estava prestes a nascer. Nós oramos juntas e eu pedi a Deus para me enviar outras mulheres que também precisassem desse encorajamento que nós tínhamos encontrado.

Depois que oramos uma pela outra (Tiago 5:16), nós concordamos em nos reunir todas as sextas-feiras à noite. Eu também me senti guiada a orar para que se existisse outras mulheres que precisavam de encorajamento que Ele, por favor, as enviasse para mim. *Mal sabia eu que Ele me traria milhares de mulheres desesperadas por ajuda! Mas eu ainda tinha muito o que aprender antes Dele trazê-las para a minha vida. E agora você tem tudo isso à sua disposição!

Na sexta-feira seguinte, Sue e eu tivemos a nossa primeira reunião de comunhão em um restaurante de fastfood. Nós passávamos horas debruçadas sobre várias versões da Bíblia (eu acredito que eram 8 versões ao todo) e nos aprofundávamos em Sua palavra sobre cada crise ou prova que estivéssemos enfrentando. É tão animador saber que agora você tem todos esses materiais disponíveis em seu computador ou celular, e que você pode simplesmente se debruçar sobre eles e buscar sabedoria para qualquer crise ou teste que você ou sua eParceira estejam enfrentando! E vocês também têm os nossos Cursos como referência.

Nós escolhemos as sextas-feiras à noite porque sabíamos que era quando todo mundo tinha um "encontro" e nós fizemos uma ousada declaração dizendo que isso se tornaria um evento frequente depois que fôssemos restauradas. E aconteceu exatamente isso, virou uma tradição que começamos juntas e depois continuamos com nossos maridos depois de restauradas, um encontro às sextas ou aos sábados à noite. Até os meus filhos casados continuam seguindo esta tradição..

Depois que seu MC revelar SUA eParceira e você se encontrar pela primeira vez. Ore para que Ele envie mais mulheres que precisam de esperança. Em seguida, faça o mesmo acordo com a sua eParceira. Cada uma de vocês comecem encorajando apenas uma outra mulher. Comece compartilhando Esperança Finalmente e diga a cada uma das mulheres feridas para preencher o Questionário de Avaliação de Casamento.

Você pode encoraja-la a fazer uma lição por dia e, em seguida, concorde em se reunir uma vez por semana para compartilhar relatórios de louvor e procurar respostas para qualquer crise ou provação em particular que você esteja enfrentando. Você pode "encontrar" indo à casa uma da outra (se as duas são separadas ou divorciadas) ou pode ir a um restaurante de fastfood (se tiver filhos) como Sue e eu. Se você não mora perto, agora pode "se encontrar" facilmente com seu eParceira por meio de um bate-papo por vídeo ou Skype! Existem até chats em vídeo em grupo que você pode começar.

O que é importante se cada uma de vocês levar a sério a restauração é que:

  1. NUNCA foquem ou discutam nada que seja negativo. Em vez disso, enquanto vocês estiverem se preparando para se encontrarem, peça ao nosso MC para lembrá-la de louvores que vocês possam compartilhar e edificar uma a outra. Se você não conseguir se lembrar de nada, compartilhe sobre o que você leu durante a semana em nosso blog de  Encorajamento.

 

  1. NUNCA façam fofocas ou compartilhem detalhes íntimos que vocês não gostariam que os seus MTs compartilhassem com um amigo. Em vez disso, conversem sobre o que vocês aprenderam, sobre novos versículos que as tenham encorajado, ou talvez sobre uma nova Canção de Amor que o Senhor tenha lhes dado durante a semana.

 

  1. NÃO transformem os seus encontros em uma festinha de autopiedade porque isso irá destruir a vocês duas. Em vez disso, determinem que todas as crises e sofrimentos serão discutidos em seus próprios cantinhos de oração, com seu Marido Celestial, que irá confortá-las profundamente em suas dores. Assim vocês descobrirão que não haverá necessidade de compartilhar a esse respeito com ninguém e estarão livres para seguir em frente.

 

  1. NUNCA pergunte a resposta para nada ou pergunte detalhes uma a outra. A cada semana, sem falta, Sue e eu nos sentávamos num lugar com ar condicionado, confessando falhas, examinando nossas muitas versões da Bíblia que tínhamos espalhado sobre a mesa e começamos a viver o princípio da discrição.

NUNCA perguntem a uma outra a resposta para qualquer dúvida que vocês tenham e nem peçam detalhes sobre nada.  Toda semana, sem falta, Sue e eu nos sentávamos embaixo de um ar condicionado congelante para confessarmos nossas faltas e nos debruçarmos sobre muitas versões diferentes da Bíblia que espalhávamos sobre a mesa e assim começávamos a aplicar o princípio da discrição.

Se vocês começarem a fazer perguntas uma a outra (quando, na verdade, nenhuma de nós sabe para onde a sua JR individual está rumando), logo vocês se sentirão perdidas e, muito provavelmente, Ele fará com que vocês passem a detestar uma a outra como é dito em Salmos 88:18, "Tiraste de mim os meus amigos e os meus companheiros; as trevas são a minha única companhia." e em Salmos 88:8, "Afastaste de mim os meus melhores amigos e me tornaste repugnante para eles. Estou como um preso que não pode fugir."

Sue e eu também tínhamos o cuidado de NUNCA perguntar a resposta de nada, ou perguntar detalhes que nós sentíamos que não deveriam ser revelados uma para a outra (e dessa forma cobríamos a nudez de nossos maridos, veja Gênesis 9:22-25).

Em vez disso, nós levávamos tudo ao nosso MC, perguntávamos a Ele, e então Ele nos mostrava uma passagem nas Escrituras, e em seguida outra e mais outra enquanto íamos lendo em voz alta todas as versões da Bíblia, até que tivéssemos certeza de ter entendido o princípio. É isso que compartilhamos umas com as outras, as Respostas DELE!

Em casa, nós fazíamos os cartões 3x5 para podermos ler os princípios repetidas vezes. O resultado dessa rotina, e do que aprendemos, finalmente se transformou nos livros "Como Deus Pode e vai Restaurar seu Casamento" e "Uma Mulher Sábia". Quem sabe que tipo de livro ou site Ele planejou para você?!?!

E, como compartilhado no curso 1 sua eParceira, Sue e eu começamos a nos encontrar todas sextas-feiras à noite, no mês de maio a setembro, e em menos de quatro meses depois, o casamento de Sue foi realmente RESTAURADO!

Foi logo após o casamento de Sue ter sido restaurado que Deus começou a trazer outras mulheres para minha vida, desesperadas por ajuda e encorajamento. E, devido ao sucesso do meu relacionamento com Sue e como fizemos as coisas, comecei a compartilhar o mesmo com elas.

Embora cada uma quisesse ser minha eParceira ou ter uma eParceira própria, eu as encorajava a começar a JR sozinhas com o Senhor, até que elas chegassem ao Curso 3, para ter certeza de que elas estavam dependendo DELE completamente e não buscariam respostas em mais ninguém.

Lembre-se, Sue e eu não nos encontramos imediatamente, mas em nossa própria JR.

* Eu sabia que não havia como eu estar disponível para todas as mulheres, e nem você pode fazer isso. Além do mais, quem além de DEUS sabe para onde cada JR está seguindo?

Comunhão da Restauração

“Quando as mãos de Moisés já estavam cansadas, eles pegaram uma pedra e a colocaram debaixo dele, para que nela
se assentasse. Arão e Hur mantiveram erguidas as mãos de Moisés, um de cada lado, de modo que as mãos permaneceram firmes até o pôr-do-sol”. —Êxodo 17:12

Pois onde se reunirem dois ou três em meu nome, ali eu estou no meio deles”—Mateus 18:20

Eu vi que seria impossível encontrar alguém em minha igreja que acreditasse da mesma maneira que eu. Pouco tempo depois de nos conhecermos, Sue me contou que ela não frequentava a igreja onde nos conhecemos, e tinha parado de ir à sua igreja por causa das fofocas e dos "conselhos" que o seu pastor lhe dava. O pastor havia dito que o marido de Sue nunca voltaria e que seria uma "indecência" da parte dela querer um homem infiel de volta em casa.

Algo muito semelhante aconteceu comigo, quando o meu pastor me mandou para o grupo de solteiros (você lerá mais depois sobre os detalhes em uma das lições do Curso 3 Reconstruindo). Então, por um tempo, eu também parei de frequentar a igreja, e foi quando eu comecei a minha Comunhão para ajudar outras mulheres, até que um pastor ficou sabendo o que eu estava fazendo e me convidou para construir o meu ministério de mulheres em sua igreja. Isso também teve enormes desafios e é por isso que eu recomendo manter suas reuniões em casas particulares ou restaurantes locais.

Conclusão

Depois que seu MC revelar a sua eParceira, verifique se a sua eParceira começa entrando pela porta estreita o site Esperança Finalmente, a menos que ela não tenha acesso à Internet. Se Ele não revelou ninguém a você, continue a evangelizar e muito em breve será o tempo determinado!

E depois de encontrar o sua eParceira, envie um Relatório de Louvor! Compartilhe como o Senhor guiou você a encontrá-la, usando Erin como exemplo quando ela encontrou Sue. Encoraje outras leitoras do blog Encorajando Mulheres a perguntar a seu MC onde encontrar sua eParceira para iniciar seu ministério e terminar sua corrida iniciando seu próprio ministério.

É hora de preencher o seu diário documentando o que aprendeu nesta lição.

NOTA: Queremos NOVAMENTE encorajá-la a realmente derramar seu coração em cada diário para lembrar o que aprendeu, pois isso a preparará e a guiará ao seu próprio ministério.

Ele está chamando você para ser uma mulher encorajadora, que tem um coração disposto a ajudar aos outros e continua sendo liderada e transformada por Ele. ????