Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada,

sacudida, transbordante, generosamente

vos darão; porque com a medida com que

tiverdes medido vos medirão também.

—Lucas 6:38

 

Reagir Entusiasticamente

Uma das mais poderosas e libertadoras atitudes que Deus trabalhou em meu espírito desta vez foi reagir “entusiasticamente” a todas as coisas que meu marido dizia quando ele queria “conversar” comigo. Da primeira vez, eu fui capaz de simplesmente “concordar”, mas isso era acompanhado de dor, dúvida, preocupação e muita oração “de reforço” cada vez que eu concordava!

Amada, isso não é vida abundante; é, ao contrário, a carga que nós nunca tivemos a intenção de carregar! Em vez de confiar no Senhor, sabendo que tudo cooperaria para meu bem (Rom. 8:28), que o Senhor ansiava por ser benevolente para comigo (Is. 30:18) e que estava realmente “esperando” para mostrar-Se forte em minha defesa (2 Cron. 16:9), eu ficava, ao contrário, avaliando as consequências do que me estava sendo apresentado ou solicitado, o que resultou numa carga tão pesada que eu tive que lutar para sobreviver.

O que mudou? Não foi a situação. Desta vez, ela foi muito mais rápida, as demandas muito maiores, a perda muito mais substancial, e o escândalo de longe muito maior. A diferença estava em mim. Eu tinha obtido mais fé através da leitura dos testemunhos, tinha desenvolvido mais força, já que agora eu estava cheia do Espírito Santo e tinha uma relação mais próxima e íntima com o Senhor. Ele agora era o meu Marido e, por causa desta intimidade, o Senhor continuou a me mostrar o que estava “por vir”, portanto eu realmente não fui pega desprotegida.

“Perguntai-me as coisas futuras...” (Is 45:11). “E os teus ouvidos ouvirão a palavra do que está por detrás de ti, dizendo: Este é o caminho, andai nele; quando vos desviardes para a direita ou para a esquerda. ” (Is 30:21).

Todas essas vantagens, querida leitora, estão disponíveis para você! Este livro, e tudo que o RMI oferece, irão ajudar a te ensinar a como ouvir e seguir ao Senhor. A chave, o mais importante, é o seu tempo passado com o Senhor, que te dará a habilidade de não apenas passar por isso, mas também de prosperar, de ser abençoada, e o mais importante, ter a ALEGRIA que permite apreciar, e não apenas suportar a jornada! Isso pode parecer impossível para você; eu sei que se eu tivesse lido isto da primeira vez, eu também teria pensado o mesmo. Mas isto está bem ao alcance de todas que acreditarem!

“Não digo isto por causa de necessidade, porque já aprendi a contentar-mecom as circunstâncias em que me encontre. (Fp 4:11). “...contentando-vos com o que tendes; porque ele mesmo disse: Não te deixarei, nem te desampararei. ” (Hb 13:5). “...e, de fato, é grande fonte de lucro a piedadecom ocontentamento. ” (1 Tim 6:6).

Quando meu marido veio pela primeira vez “conversar” comigo, ele me disse: “Eu estou saindo de casa para falar com um advogado. Eu vou me divorciar de você e planejo encontrar uma outra pessoa para casar. ” Minha resposta nos surpreendeu a ambos: “Ah, está bem, eu entendo. ” E eu sorri!

Porque a minha reação não foi de medo, choque, ou horror, ele ficou certo de que não tinha sido claro o suficiente, e repetiu as mesmas palavras e com muito mais intensidade. Então, querida leitora, se você escolher reagir graciosamente (conforme você confiar no Senhor e se recusar a ficar no caminho do ímpio), você precisará estar preparada para mais ataques. O calor se intensificará e todas as vezes que o seu cônjuge afirmar que ele/ela está te deixando, ele/ela começará a te dizer o porquê disso. Mas, louvado seja o Senhor, meu coração tinha estado “escondido no Senhor” fazia muitas semanas.

Deus realmente vinha me preparando para isto há quase um ano (embora eu não soubesse ou suspeitasse). E acredite ou não, Ele vem preparando você também, muito embora você também não estivesse ciente disso.

Deus promete que os justos não serão abalados. “Lança o teu fardo sobre o SENHOR, e Ele te susterá; nunca permitirá que o justo seja abalado. ” (Sl 55:22). Esta é a Sua promessa para você e para mim. Por esse motivo, Ele faz o Seu melhor para te mostrar o que está por vir, e também começou a atrair você para mais perto Dele para que você esteja pronta. Neste momento, em meio a toda esta bagunça e desta provação, Ele está te cortejando, te atraindo para que você vá até Ele e se torne a Sua noiva. E vocês cavalheiros, saibam que Ele está lá também para apoiá-los e fortalecê-los.

“Portanto, agora vou atraí-la; vou levá-la para o deserto e falar-lhe com carinho. ” (Os 2:14).

Em minha situação, o Senhor começou a me mostrar, enquanto eu lia a minha Bíblia todas as manhãs, que meu marido “iria embora”. Ele não me disse como ou o porquê, apenas que ele não estaria aqui. Isso vinha aparecendo em muitos versículos que Ele me direcionava para ler todos os dias.

O Senhor também começou a plantar em meu coração que o Único que eu queria e o Único de quem eu precisava era Ele! Eu repetia isso mais, mais e mais todos os dias— “Senhor, Você é tudo que eu quero e tudo que eu preciso. ”, especialmente quando eu me deitava à noite para dormir e toda manhã quando acordava. Assim que os“planos malignos” começaram a “agitar” a mente do meu marido para me deixar por outra mulher, o Senhor começou a me atrair para mais perto Dele para assim eu ficasse protegida.

“Protege-me como à menina dos teus olhos; esconde-me à sombra das Tuas asas. ” (Sl 17:8).

O Senhor pode ter estado tentando chamar a sua atenção antes que o seu cônjuge mencionasse o divórcio ou antes que você descobrisse sobre a outra mulher ou o outro homem na vida dele/dela. Se tudo isto que aconteceu te deixou abalada, não é tarde demais para começar a ficar sensível ao Senhor, e ao direcionamento do Espírito Santo. Só é preciso passar tempo com Ele através de: oração, tempo em seu cantinho de oração, da leitura da Sua Palavra, muito tempo em agradecimento e louvor a Ele, mas, mais importante, apenas se sentando tranquilamente em Sua presença e sentindo o Seu amor por você.

“Pois que com amor eterno te amei, também com benignidade te atraí. ” (Jr 31:3).

Oração é simplesmente falar com Deus sobre tudo o que você normalmente estaria contando para um amigo. Se Jesus é o primeiro em nossas vidas, Ele precisa ser nosso melhor amigo. Ele está sempre animado (mesmo que Ele já saiba o que você vai dizer), e Ele é sempre fiel para te ajudar a se sentir melhor. Quando você fala com Ele sobre uma coisa traumática ou dolorosa que acabou de acontecer—Ele verdadeiramente será aquele Alguém que permanecerá mais próximo do que um irmão e te confortará mais do que uma mãe!

Abuso

E deixe-me parar aqui para dizer que a maioria das mulheres que enfrentam o divórcio e/ou adultério, abandono, etc., também experimentam muitas formas de abuso de seus maridos. Abusos verbais comumente precedem abusos físicos. Se você não abrir a boca em sua defesa, ou pior, revidando (ou começando uma briga) com cortadas e palavras cruéis (especialmente com palavras que humilham ou atacam o caráter do seu cônjuge) ou iniciar o ataque fisicamente, você poderá basicamente impedir toda a violência física que possa vir contra você. Contudo, esteja preparada—o abuso verbal provavelmente continuará.

O remédio contra o abuso verbal, quando o seu marido vem ter uma “conversa” com você com palavras apavorantes, e muitas vezes chocantes, é você primeiro manter a sua boca fechada e apenas ouvir ao Senhor que irá falar gentilmente com você em uma voz tranquila. Isto significa não comentar, e não questionar o que seu marido te disser! Deixe que ele fale tudo. Quando ele terminar, apenas concorde—é simples assim.

Isto vale para os homens também. Apenas concorde!!

O que? Não comentar, mas e se eu não concordar?

Vamos ser honestas, nada do que você disser irá mudar qualquer coisa que seu cônjuge tenha em mente, certo? Todo cônjuge que chega ao ponto de querer partir, e dar entrada no divórcio, tomou esta decisão. E, ao tentar pará-lo você apenas aumentará a paixão dele em completar aquilo que já havia decidido fazer.

“Não te apresses a sair da presença dele; nem persistas em alguma coisa má; porque ele faz tudo o que lhe agrada. ” (Ec 8:3).

E quanto às perguntas que você possa ter—honestamente, nenhuma pergunta jamais irá te dar as respostas que você procura! Ao contrário, elas resultarão em mais dor, confusão e todas as outras emoções negativas com as quais você não precisa ter que lidar, além de tudo mais que ele/ela já disse ou fez.

“Em seu coração o homem planeja o seu caminho, mas o Senhor determina os seus passos.” (Pv 16:9).

Você está certo, o que ele/ela diz não faz nenhum sentido— isso é o que acontece com alguém que é pego em adultério.

“Com a sedução das palavras o persuadiu e o atraiu com o dulçor dos lábios. Imediatamente ele a seguiu como o boi levado ao matadouro, ou como o cervo que vai cair no laço até que uma flecha lhe atravesse o fígado ou como o pássaro que salta para dentro do alçapão, sem saber que isso lhe custará a vida. ” (Pv 7: 21-23).

Cova profunda é a boca da adúltera; aquele contra quem o SENHOR está irado cairá nela. ” (Pv 22:14).

Oh, e assim como você leu no testemunho de Lydia, não cometa o erro de citar as Escrituras (como esta que você acabou de ler) para o seu cônjuge. Isso só vai deixá-lo com mais raiva e mais determinado a se afastar de você e de DEUS o máximo possível!!

A maioria dos homens sai de casa devido à cova do adultério. A primeira vez eu soube desde o início (eu o peguei no ato) e ainda assim ele negou. Da segunda vez ele me disse novamente que estava indo embora “para encontrar uma outra mulher para se casar”, mas, mais tarde, ele confessou (devido às provas que começaram a ser reveladas) que estava mais uma vez envolvido com outra pessoa, e foi por isso que ele se divorciou tão ousada e rapidamente—para casar com ela.

Se você não estiver ciente de outra mulher com quem o seu marido esteja envolvido, não tente descobrir. Esta é a maneira de Deus te proteger. Se for isso que estiver acontecendo, em Seu bom tempo, Ele te conduzirá facilmente à toda a verdade. Entretanto, se você escolher bisbilhotar, suspeitar ou confrontar o seu marido, você estará aberta para uma dor terrível que tem potencial para te assombrar por anos! Saber o que está havendo não é o plano de Deus, mas sim do inimigo para destruir você. Por favor, confie no Senhor, e em mim, mantenha os seus olhos no Senhor. Você não estará sendo ingênua ou estúpida, você estará agindo de forma sábia e graciosa condizente com uma filha de Deus.

A razão pela qual muitas mulheres deixam seus maridos é devido ao medo e/ou por não se sentirem amadas. Mulheres NÃO são aquilo que a mídia te convenceu, e, se um homem acredita nisso, então ele é um tolo. Uma mulher que não se sente amada partirá em busca de amor. Homens e mulheres são diferentes, por isso lance fora as mentiras com as quais você tem se alimentado provavelmente pela sua vida inteira.

A Bíblia diz aos homens, neste versículo, onde eles erram:

“Igualmente vós, maridos, vivei com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais frágil, e como sendo elas herdeiras convosco da graça da vida, para que não sejam impedidas as vossas orações. ” (1 Pe 3:7). Todas as vezes em que você a trata duramente e de forma rude você está destruindo a ela e ao amor que ela sente por você! Mulheres possuem um desejo interior pelos seus maridos... “E o teu desejo será para o teu marido. ” (Gn 3:16).

Mas a maioria dos homens tolamente falha em viver com suas esposas de uma “forma compreensiva” honrando-a, e a tratando como o vaso mais frágil que ela é, e com isso expulsam as suas mulheres da sua vida, e muitas vezes as jogam nos braços de outro homem.

A “forma” compreensiva não significa que você precisa entender como ela se sente ou pensa, mas sim que você é maduro o suficiente para ouvir, não fazer sugestões ou questionar, ou o que é pior, dizer a ela o que fazer, já que as mulheres precisam apenas de alguém que as ouça sobre a maneira como estão se sentindo.

Se você estiver pronta para fazer um compromisso com SENHOR sobre o que você leu, clique em seu DIÁRIO, assim você concorda que está pronta para registrar esta próxima parte da sua Jornada de Restauração no formulário "Meu Diário". Não se apresse, sente-se, pegue seu café ou chá e derrame seu coração em seu Diário.

Como “As mulheres mais velhas também ... ensinam o que é bom, para ENCORAJAR as moças…” (Tito 2:3), você terá a oportunidade de falar com as mulheres mais jovens que ainda são solteiras como parte de seu ministério.