W@H PTG

.

Tirando o Máximo Proveito de Cada Dia

Como Começar!

No princípio Deus criou...
—Gênesis 1:1

Sempre que converso com uma jovem, que está obviamente sobrecarregada com as tarefas do lar, eu descubro rapidamente certas áreas distintas que estão sendo negligenciadas. A primeira delas, muitas vezes, está na falha em se criar uma rotina diária para ela mesma e para seus filhos; falamos brevemente sobre isso no capítulo anterior.

Dito isso, deixe-me explicar melhor minha afirmação. Eu não estou falando sobre criar uma rotina para você mesma, seu marido e seus filhosnão, não. Não pense, sugira ou dê a entender que o seu marido precisa se encaixar na sua rotina ou na dos seus filhos!! Pelo contrário, você e seus filhos é que devem se encaixar na rotina do seu marido.

“Seu marido tem plena confiança nela [na sua esposa] e nunca lhe falta coisa alguma.” (Pv. 31:11). O seu marido pode confiar que não lhe faltará coisa alguma?

“E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.” (Gn 2:18). Se a ideia de ser uma ajudadora para o seu marido é um conceito novo para você, ou se você ainda tem dificuldade em aceitar esta mentalidade, por favor leia (ou releia) a Lição 9, “Ajudadora Idônea”, no manual Uma Mulher Sábia (disponível em nossa livraria online). Visite o site AjudaMatrimonial.com para obter mais informações.

Talvez você queira me dizer que a vida do seu marido não tem pé nem cabeça, mas é aí que você se engana. Todo ser humano é uma criatura de hábitos. Se você acha que o seu marido não tem uma rotina matinal, eu te digo que você não o tem observado! Lembre- se, “Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! É muito mais valiosa que os rubis.” (Pv 31:10). Na época em que os Provérbios foram escritos, já era muito difícil encontrar uma esposa virtuosaagora então está quase impossível!

E o que faz com que se torne tão mais difícil encontrar uma mulher virtuosa no mundo de hoje? As novas ideias feministas varreram nossas mentes, e agora o nosso pensamento está distorcido, mas este versículo da Escritura deve bastar para nos colocar no caminho certo. “Pois o homem não se originou da mulher, mas a mulher do homem; além disso, o homem não foi criado por causa da mulher, mas a mulher por causa do homem.” (1 Cor. 11:89). Este princípio forma o próprio alicerce dos nossos lares. Sem um alicerce

piedoso, nossos lares cairão porque nós mesmas iremos derrubá-los com nossas próprias mãos, e sem nem ao menos nos darmos conta disso! “Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.” Provérbios 14:1” (Pv. 14:1).

Mais uma vez, o primeiro passo a ser dado é estabelecer para si mesma e para os seus filhos uma ROTINA que se adapte à programação do seu marido. Você pode achar que os termos “programação” e “rotina” são idênticos, mas não. Uma programação denota “tempo”, enquanto que uma “rotina” é um padrão de como certas atividades são realizadas. Mas é certo que o tempo será um fator em sua rotina; contudo, eu descobri que quando uso o tempo para estabelecer minha rotina, logo fico estressada, ansiosa e, por fim, agitada!

Repetindo, uma rotina é simplesmente uma maneira de realizar as suas atividades em uma determinada ordem todos os dias. Sua rotina atual pode ser se levantar, pegar um café, gritar com os seus filhos “Parem de...!”, e em seguida se sentar em frente à televisão para assistir um programa matinal até a hora do almoço.

Ou a sua rotina pode ser acordar fora do horário, correr até o quarto dos seus filhos e gritar um “Levantem-se, estamos atrasados!”, jogar um cereal em uma tigela, colocar qualquer coisa na lancheira deles, e passar dez minutos em pânico procurando desesperadamente pelo dever de casa, pelo pé de sapato, ou outra coisa que você não consegue encontrar. Todo mundo tem uma rotina. O que eu proponho é que você determine qual será a sua rotina e não permita que seja ela a ditar como você irá agir.

Quando você estabelecer uma ideia para a sua rotina, não tente fazer algo grandioso e inatingível. Quantas vezes você decidiu assumir o controle do seu dia e antes do almoço já tinha desistido? Se isto já aconteceu saiba que você não é uma fracassada. É que você simplesmente não estava com a mentalidade certa quando começou.

Acordar

A primeira coisa que você fará pela manhã é acordar, então vamos começar por aí. Você tem um despertador ou você levanta quando ouve seus filhos brigando? Ou você abre um olho quando o seu marido te beija antes de sair? Ele sai de mansinho na esperança de não ter que confrontar o seu rosto cansado, seu cabelo embaraçado e o seu hálito desagradável?

Como você gostaria de começar o seu dia? Tenham cuidado e sejam realistas aqui, meninas. Estabeleça uma hora em que você consiga facilmente (ou que ao menos seja possível) acordar. Talvez fosse bom considerar a possibilidade de se levantar antes do seu marido, ou pelo menos na hora em que ele se levanta. Você não concorda? Posso sugerir também que você jogue uma água morna ou gelada no rosto e talvez até escove seus dentes? Você gosta de café, chá quente, ou quem sabe de um suco pela manhã? Até mesmo um copo de água fria e fresca já irá te ajudar a acordar. Por que não descobrir o que o seu marido gosta de beber e trazer para ele com um beijo de bom dia?

Se estiver na hora dos seus filhos levantarem, acorde-os com um beijo, ou com uma massagem carinhosa nas costas se eles já forem mais crescidinhos. Minha filha mais nova

ama café (é terrível, mas é verdade). Eu me sento na cama dela com a minha xícara e deixo ela tomar um gole, e aí então ela sorri, dá uma espreguiçada e se senta também.

Se ainda não estiver na hora dos seus filhos se levantarem, deixe-os dormir mais um pouquinho para que você possa cumprir esta maravilhosa sugestão feita em Provérbios: “Levanta-se, mesmo à noite, para dar de comer aos da casa, e distribuir a tarefa das servas.” (Pv 31:15). Quando li isto pela primeira vez, eu pensei, “Bem, quando eu tiver algumas empregadas (só uma já seria maravilhoso), aí então eu vou me levantar enquanto ainda estiver escuro!” Anos atrás, a maneira como eu racionalizava este versículo era dizendo a mim mesma que, mesmo não estando mais escuro lá fora, eu ainda sentia como se estivesse!

Eu conheço muitas mulheres que fazem este tipo de coisa (se levantam antes de amanhecer). Recentemente eu adquiri um livro de uma mulher que programa cada minuto do seu dia, e do dia dos seus oito filhos individualmente também. Quando ela parou para escrever tudo que precisava fazer todos os dias, ela descobriu que 24 horas não seriam suficientes! (Eu me identifiquei!) Portanto, ela chegou à conclusão de que poderia dormir menos! Assim que eu li isso, sem parar nem um momento para pensar a respeito, eu já fui dizendo, “Sem chance!”

Agora, eu admito que nem sempre consigo dormir boas oito horas de sono porque coisas inesperadas acontecem. Às vezes as visitas se demoram, muitas vezes ficamos fora até tarde em um encontro, nós (geralmente) ficamos até mais tarde visitando nossos filhos mais velhos, ou às vezes uma criança adoecemas, por favor, eu não vou planejar dormir menos de propósito!

Eu prefiro clamar esta Escritura para me guiar nesta importante decisão: “Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois Ele supre aos Seus amados enquanto dormem.” (Sl. 127:2). Você notou que o versículo diz que não devemos “repousar tarde”? Eu estabeleço o meu horário de deitar acrescentando mais meia hora, para assim eu possa ir para a cama em uma hora decente todas as noites, sempre que possível.

Contudo, à medida que vou envelhecendo, e depois de ter morado em um sítio, dormir tem se tornando algo mais difícil para mim. Muitas vezes já estou de pé às quatro, cinco da manhã. Eu ri ao ler os parágrafos anteriores e confesso que sinto um pouquinho de saudades de como as coisas eram! Mas, naquela época, eu nunca soube que estava perdendo os mais lindos nascer do sol, ou a preciosa solidão das horas da manhã passadas com o Senhor, até que nos mudamos para o nosso sítio. E mesmo não morando mais lá, Deus me acorda fielmente antes do amanhecer para passar um tempo e tomar café com Ele!

Não Consigo Me Levantar

Se você (ou os seus filhos) têm dificuldade para se levantarem, eu tenho a solução! O problema é que a maioria das pessoas faz o contrário do que precisa ser feito. Elas sempre tentam ir para a cama mais cedo para conseguirem se levantar cedo no dia seguinte. Isto nunca vai funcionar! O que você precisa fazer é se levantar (ou fazer com que os seus filhos se levantem) apenas uma vez naquele horário em que você disse que se levantaria

não importa a que horas você tenha ido para a cama na noite anterior. E não tire um cochilo (faça com que a soneca regular dos seus filhos seja curta ou deixe-os acordados) e todo mundo vai estar implorando para ir para a cama na hora certa. Sempre que você começar a ir para a cama tarde, o que faz com que você se levante tarde, use este método para normalizar o seu padrão de sono.

Você se sente culpada porque acha que deveria se levantar mais cedo? Você é aquele tipo de pessoa que acha que deveria passar pelo menos uma hora com o Senhormesmo que para fazer isso o seu “tempo de quietude” precisasse começar às 3:30 da manhã? Deixe- me compartilhar com você o versículo que o Senhor me deu quando eu estava à beira de um colapso nervoso (bem, talvez meu colapso já estivesse a pleno vapor quando Ele me deu este versículo): “Vinde a Mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o Meu jugo, e aprendei de Mim, que sou manso e humilde de coração; e ENCONTRAREIS DESCANSO PARA AS VOSSAS ALMAS. Porque o Meu jugo é suave e o Meu fardo é leve.” (Mt 11:28-30).

Eu passei quase seis anos mal conseguindo dormir. Começou quando meu marido saiu de casa e eu estava buscando o Senhor para restaurar o meu casamento. Eu simplesmente não conseguia dormir porque ele não estava ao meu lado na cama. Muitas noites eu achava que ele estava chegando e entrando pela sacada da nossa casa. (Sempre pensei positivo!) Eu tinha certeza de que a qualquer momento ele voltaria à razão e pularia a cerca, subiria pela sacada e bateria gentilmente na porta de vidro corrediça. E, claro, eu certamente não iria querer perder essa volta dele para casa! (Leia Cantares de Salomão 5:6 se você não entendeu o que estou dizendo.)

Depois que ele voltou (o que, a propósito, aconteceu através de um telefonema e NÃO com ele subindo pela minha sacada), eu fiquei quase que obcecada em me certificar de que eu estava sendo a esposa perfeita. Meus filhos vieram um atrás do outro. Estes três doces bebês inevitavelmente me acordavam para que eu os amamentasse, e aí então eu já não conseguia voltar a dormir. Eu ia para o meu computador e escrevia até o dia amanhecer. Foi assim por quatro anos. O manual Uma Mulher Sábia foi escrito inteiramente entre as três da madrugada e as sete da manhã, e com uma mão só porque eu amamentava um bebê enquanto escrevia!

Você sabia que existe uma coisa chamada “privação de sono”? Bem, eu sofri disso. A pessoa fica meio fora do ar! Na verdade, no começo ela fica muito “ligada”, não consegue dormir, não consegue descansar. E aí vai ficando meio maluca, prestes a ter um colapso nervoso. Eu demorei muito tempo para me recuperar; e será que me recuperei mesmo?

Eu estou convencida de que as mulheres têm sido enganadas ao acreditar que temos que ser supermulheres. Nós temos acreditado na canção “Eu sou uma mulher, eu sou forte...” Mas, isso é mentira (eu posso atestar!). A Bíblia diz (e a Sua Palavra é verdadeira), “Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco.” (1 Pd. 3:7).

Não precisamos nos envergonhar por sermos mais fracas; é a maneira como fomos criadas. Não foi um erro; e isso não é um defeito.

Deus nos fez desta maneira por um propósitoo Seu propósito. E acredite quando eu digo que, sempre que você tentar mudar o propósito Dele para a Sua vida, haverá problemas.

Então relaxe, vá para a cama cedo se você puder, e levante-se a uma hora razoável. Bem, estamos a quase três páginas falando sobre levantar. Vamos ver se conseguimos chegar direto ao ponto.

Agora Você Está de Pé!

Crie sua rotina baseado naquilo que você quer fazer, ou no que você precisa fazer em seguida. Você se encaixará em uma destas duas categorias: “precisar fazer” ou “querer fazer”. Se o seu marido ainda não saiu para o trabalho, então há coisas que você “precisa fazer”. Como esposa, você precisa fazer certas coisas.

Se os seus filhos têm uma hora marcada em que precisam sair para a escola, essa também será uma decisão incluída na categoria “precisa fazer”. Como mãe, você precisa fazer certas coisas.

Eu me encaixo na categoria “querer fazer” (louvado seja o Senhor). Nem meu marido nem eu saímos para trabalhar fora e nossos filhos não frequentam a escola.

(Se você estiver interessada em aprender sobre como ficar LIVRE de ter que mandar seus filhos para a escola, você poderá saber mais sobre a MELHOR decisão que meu marido e eu tomamos na última lição do manual Uma Mulher Sábia, e obter informações mais específicas no livro Entre pela Porta Estreita: Educação no Lar com Convicção!)

Há tanta liberdade em se viver dentro da categoria “querer fazer”. Se você estiver nesta categoria porque seus filhos ainda são pequenos, e você tem a benção de poder ficar em casavocê está livre! Então agarre-se a isso mantendo os seus filhos em casa e os educando você mesma.

Agora, liberdade significa ser livre para fazer “não apenas o que você quer”, mas “o que você deve”. “Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam.” (Gl. 5:17).

“Finalmente, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e agradar a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais.” (1 Ts. 4:1).

Liberdade desgovernada ou sem controle na verdade é um cativeiro porque a sua carne começará a governar a sua vida. Pode ser que você sinta até um certo estupor de letargia, como é descrito nas Escrituras.

“Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? Quando te levantarás do teu sono?” (Pv. 6:9)

“Como a porta gira em suas dobradiças, assim o preguiçoso se revira em sua cama.” (Pv. 26:14). “O preguiçoso morre de tanto desejar e de nunca pôr as mãos no trabalho.” (Pv. 21:25).

Ou, que você fique muito ocupada com muitas coisas, mas não chegue a lugar algum:

“Ela é espalhafatosa e provocadora, seus pés nunca param em casa; uma hora na rua, outra nas praças, em cada esquina fica à espreita.” (Pv. 7:11–12).

“Ela nem percebe que anda por caminhos tortuosos, e não enxerga a vereda da vida.” (Pv. 5:6).

Você vai de um lugar para o outro, de um projeto para o outro, de casa em casa, de loja em loja e não faz nada na sua casa?

A segunda porção dos versículos acima descrevem a mulher adúltera. Você foi infiel ao seu marido negligenciando a sua responsabilidade como dona de casa, esposa e mãe? É por este motivo que muitos homens deixam suas esposas e muitos homens jovens estão escolhendo permanecerem solteiros. Por que eles deveriam se casar? Até mesmo a igreja está cheia de prostitutas com quem eles poderão dormir. Se eles forem se casar com uma dessas será que ela ficaria em casa cuidando do lar e dos filhos?

Ou ela estaria trabalhando fora, enquanto os filhos são criados nas creches? Será que ela veria as suas responsabilidades no lar e com os filhos como a sua carreira e trabalharia de acordo? Ou ela simplesmente ficaria em casa negligenciando os seus deveres?

Os nossos filhos mais velhos estão agora se aproximando da idade de se casarem, e encontrar uma esposa “virtuosa” parece uma coisa quase impossível. Encontrar uma jovem que não esteja interessada em uma carreira é como encontrar uma agulha em um palheiro! Mesmo aquelas que afirmam que desejam ser donas de casa estão frequentando faculdades e buscando uma formação para ter alguma coisa que “dê segurança”. Infelizmente, quando você se prepara para um plano B, ele geralmente acontece. (Para mais informações sobre as diferenças entre como treinar moças jovens e rapazes e sobre os perigos para uma mulher que trabalha fora, leia o manual Uma Mulher Sábia).

Por quanto tempo o seu marido conseguiria manter o emprego se ele se sentasse em uma lanchonete lendo uma revista? Por quanto tempo ele continuaria empregado se fosse fazer algum mandado para o seu chefe e ficasse por lá até o fim do dia? Por quanto tempo ele conseguiria manter o emprego se não fizesse o seu trabalho?

Meninas, não me venham choramingando e fingindo que não sabiam disso. É por isto que os homens deixam suas esposas. Que homem deseja voltar para casa e encontrar uma mulher cheia de atitude, que negligencia os seus deveres, e ainda assim tem a ousadia de destratar o marido?

Não faz muitos anos, os homens costumavam ficar ansiosos para encontrar uma esposa e se casarem. A mulher era requisitada, quando o seu desejo era ter os filhos do marido, criá-los para serem bem-educados, manter um lar agradável, preparar refeições deliciosas e ser a sua amante à noite. Se isto te causa repulsa, então a sua mente está fixa nos males deste mundo e você não conhece a Palavra de Deus. Se eu estou errada, então como Provérbios 31 e Tito 2 entraram na Bíblia?

Eu pergunto novamente, você tem sido uma esposa infiel ao seu marido? Se for este o seu caso, se arrependa diante do Senhor e peça a Ele que te transforme. E agora que você está motivada, vamos voltar a tratar do assunto em questão.

O que Fazer em Seguida?

Depois de se levantar, o próximo passo seria se vestir, tomar o café da manhã ou arrumar as camas. Para tomar esta decisão, pergunte a si mesma, “O que eu devo fazer?” se você estiver incluída na categoria “precisar fazer”. Se você estiver na categoria querer fazer”, pergunte a si mesma, “O que me deixaria motivada? O que irá fazer com que eu continue seguindo de uma maneira organizada para a minha próxima tarefa? O que me levará até a próxima curva?”

Algumas mulheres se sentem extremamente melhor se conseguirem apenas tirar o roupão. Outras precisam simplesmente comer alguma coisa, ou alimentar os filhos. Algumas arrumam a cama antes de saírem do quarto para se sentirem melhor. Se você se sente tentada a voltar para a cama, eu sugiro que você a arrume imediatamente após se levantar! E outras mulheres gostam de se exercitar.

Se você for fanática por exercícios, deixe-me primeiro lhe fazer uma pergunta. Depois que você se exercita você fica cansada a ponto de não conseguir fazer mais nada? Ou você se sente revigorada e pronta para conquistar o mundo? Nós nos conhecemos muito bem. Tire um tempinho para ponderar sobre esta questão. Selá. (Quando você vir esta palavra em sua Bíblia, saiba que ela significa ponderar o pensamento em sua mente por um tempo.)

O exercício físico é excelente se ele te ajudar a permanecer calma, e deixá-la de bom humor sem a esgotar. Contudo, uma outra ótima maneira de se exercitar é fazendo uma faxina completa na sua casa! Se abaixar enquanto recolhe as coisas que estão espalhadas pelo chão, passar o aspirador vigorosamente para acelerar a circulação, fortalecer os seus braços esfregando os vasos sanitários ou banheiras, ou até mesmo preparando um bom pão caseiro sovando bem a massa, são excelentes formas de exercício. As mulheres hoje em dia negligenciam seus lares e vão para a academia ou vão correr pelo quarteirão. Se manter em boa forma é uma coisa boa, contanto que a sua casa não fique com uma aparência desleixada.

Para ajudá-la a estabelecer uma rotina, talvez eu deva compartilhar sobre o que eu faço ao acordar e também sobre alguns outros períodos da minha vida em que eu fazia as coisas de outra maneira. Isto pode ajudá-la a tomar uma decisão sobre como criar uma rotina para si mesma.

Uma Outra Rotina

Quando os meus filhos eram pequenos, e ainda não estavam em idade escolar, esta era a minha rotina. Eu geralmente levantava no mesmo horário, às sete da manhã, quando ouvia meu marido tomando banho. Eu me levantava, fazia a nossa cama e arrumava o quarto e colocava as roupas do meu marido sobre o seu valete (aquele móvel onde se penduram as roupas masculinas). Naquela época eu passava todas as peças quando elas saíam da máquina de lavar e antes de colocá-las no closet. Mas, como os nossos closets foram ficando pequenos e apertados, eu não pude mais gastar todo aquele tempo passando

roupas. Então em vez disso eu comecei a pegar as roupas dele e passá-las antes dele as vestir, ou enquanto ele tomava banho.

Eu lhes asseguro de que meus filhos todos sabem passar roupas, e as minhas filhas também (os menorzinhos ainda são muito pequenos, mas eles aprenderão). Minhas filhas sabem que um dia elas irão passar as roupas dos seus maridos; portanto, elas muitas vezes abençoam os seus irmãos passando as roupas deles.

Depois que eu colocava as roupas do meu marido sobre a cama, eu descia para fazer café, às vezes lendo a minha Bíblia e esperando até que eu ouvia os meus filhos menores começarem a fazer barulho lá em cima. (Quando as crianças têm uma rotina estabelecida para comer e dormir, eles acordam no mesmo horário todas as manhãs.) E eu então subia, dava-lhes um beijo de bom dia e os ajudava a se vestirem. Quando saíamos do quarto, as camas já estavam feitas e o quarto arrumado. E, a menos que eu tivesse que lavar os banheiros naquele dia, ninguém mais voltava lá em cima até na hora da soneca.

Em seguida nós todos nos encontrávamos lá embaixo para tomar o café da manhã com o papai e acompanhá-lo até o carro, acenando enquanto ele saía. Quando entrávamos, nós íamos para o armário dos brinquedos, que ficava “trancado”, e pegávamos aqueles que estavam designados para aquele dia. (No Capítulo 9, “Brinquedos”, há mais informações sobre como organizar os brinquedos das crianças). Eu então começava a lavar as roupas e verificava os meus cartões de tarefas (falaremos mais sobre os cartões de tarefas em um excitante capítulo que teremos mais à frente!) para ver o que eu precisava fazer durante o resto do dia.

Um Exemplo Final de Rotina

Quando eu tinha quatro filhos, e o meu mais velho já havia começado a frequentar o jardim de infância (eu só comecei a educar meus filhos em casa quando o mais velho já estava na segunda série), a minha rotina era assim.

Meu despertador era acertado para as 6:30 da manhã. Eu levantava e acordava meu filho Dallas (Urgh, a hora do famigerado ônibus escolar!) e preparava o café da manhã. Ele me encontrava na cozinha depois de já ter se arrumado para ir para a escola e eu lhe entregava a lancheira e a mochila. Quando ele voltava, eu limpava a lancheira, preparava o lanche para o dia seguinte e colocava na geladeira. Ele foi ensinado a fazer o dever de casa imediatamente quando chegasse, e eu então verificava se ele tinha feito; ele arrumava a mochila e a deixava perto da porta da frente pronta para o dia seguinte.

Como todo mundo ainda estava dormindo, eu então o levava até o ponto de ônibus e esperava ele entrar. Em seguida eu voltava para casa e geralmente encontrava alguém já acordado. Eu preparava o café da manhã para o resto da família, amamentava o bebê e acompanhava o meu marido até a porta ou até o carro com as crianças a tiracolo.

De volta em casa, eu mais uma vez pegava os brinquedos do dia para os meus filhos. Enquanto eles começavam a brincar eu ia de quarto em quarto para arrumar as camas, recolher as roupas sujas, esvaziar as lixeiras, passar o aspirador e tirar a poeira. Eu ia seguindo de cômodo em cômodo fazendo a mesma coisa. Senhoras, a sensação de casa limpa é tão boa.

Uma outra dica maravilhosa: eu nunca permiti que os meus filhos brincassem nos quartos. Os quartos são lugares para se dormir, se vestir e ler. Algumas vezes eu cheguei a criar espaços para que eles brincassem, geralmente na sala de estar. Mas antes de eles receberem permissão para ir brincar lá fora, parar para almoçar, ou tirarem uma soneca, os brinquedos deveriam ser recolhidos. E isto não é difícil se houver apenas uma porção limitada de brinquedos de cada vez. (Repetindo, nós falaremos mais detalhadamente sobre os brinquedos em um capítulo seguinte.)

Eu realmente preciso compartilhar mais uma vez os meus sentimentos sobre a educação no lar. Se você ALGUMA VEZ já pensou em educar seus filhos em casa, deixe-me dizer que eu e meu marido acreditamos que esta tenha sido a MELHOR decisão que nós já tomamos, e isso trouxe os bons frutos que as pessoas comentam a respeito na vida dos nossos filhos.

Eu fiz uma série de vídeos e áudios chamados, Educação no Lar para Ele!! (que trata do que é a Educação no Lar para o Senhor e não sobre como fazer com que seu marido eduque os seus filhos), que irá motivá-la e te dará a confiança para fazer isso. Eu simplifiquei a educação no lar, colocando Deus no centro, e tenho compartilhado este método com muitas mulheres que conheço, ou com quem me encontrei, e também em conferências sobre educação domiciliar. Elas me dizem que agora educar seus filhos em casa tem sido muito mais fácil e recompensador. Separe um momento para visitar a nossa loja em nosso website e conheça mais detalhesAjudaMatrimonial.com

Conclusão

Eu espero que você possa estabelecer uma rotina para a sua família a partir do que eu compartilhei. Quando você cria uma rotina, então você precisa fazer as coisas rotineiramente todas as manhãs.

Esta é a maneira de começar a colocar a sua vida e o seu lar em ordem novamente. Dizem que a variedade é o “tempero da vida”. Mas o excesso dela (ou de tempero) tornam as coisas malucas ou apimentadas demais para serem administradas! Se você não tem uma rotina, e tem que decidir todos os dias o que fazer em seguida (sem mencionar a dificuldade em convencer seus filhos a fazerem algo novo todos os dias), você jamais irá desejar sair da cama!

Deus é um Deus de ordem e rotina. Todas as manhãs o sol nasce no leste no mesmo horário. As estações são fixas. A gestação de um bebê, o trabalho de parto e o nascimento: tudo acontece dentro de um prazo estabelecido e seguindo uma rotina fixa. Esta é a maneira de Deus, uma maneira ordeira e previsível. Torne-se uma mulher mais piedosa seguindo o Seu exemplo e trazendo uma rotina funcional para a vida da sua família. Isto irá proporcionar a “paz que excede todo o entendimento”!

Diário