"Uma falsa culpa"

Na semana passada eu compartilhei com você uma revelação incrível, sobre as mentiras e como se você as ponderar, isso servirá para roubar sua alegria e também evitar que você seja uma boa representante como Sua noiva. E como Sua noiva, devemos ser diferentes, porque, se guardamos qualquer mentira viva, logo nós iremos nos sentir culpadas por algo que simplesmente não é verdade, que é a mensagem desta semana.

Como eu disse na semana 26, “Revelação a Respeito de Mentiras”, continuei perguntando ao Senhor se algo era verdadeiro, usando o princípio do Salmo 139: 23-24 - “Busca-me, ó Deus, e conhece meu coração; experimente-me e conheça meus pensamentos ansiosos; e veja se há algum modo doloroso em mim, e me conduza ao caminho eterno. ” “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me e conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno.” ARC

Até onde me lembro, sempre que alguém me diz sobre alguma falha ou me corrige de alguma maneira, primeiro presumo que seja verdade. Em vez de desistir, pensando que não poderia ser verdade, e eu sempre quis ser uma pessoa melhor para Ele, e também quando eu era muito jovem, para ser melhor para os meus pais. Felizmente, saber que Ele fala comigo ajudou-me a ter conversas reais com Ele, por isso, agora, é tão simples como PERGUNTAR a Ele se algo é verdade.

Você também tem essa mesma habilidade, querida noiva, então faça disso o hábito mais importante de sua vida. Perguntando a Ele sobre tudo, especialmente quando você ouve coisas. Ele sabe de tudo e a menos que não seja da sua conta ou algo que Ele prefere que você não se preocupe, Ele lhe dará clareza e o ajudará a saber a verdade. E, claro, todas nós sabemos que a verdade nos libertará - livre de muitas coisas.

Agora, voltando para a verdade ou se estavam corretos. Se tudo o que foi dito é verdade, mesmo uma pequena parte disso, então Ele simplesmente me mostra como mudar, sem qualquer forma de culpa seja lá o que for. Em vez disso, o que Ele compartilha está sempre cheio de paz, entusiamo e esperança.

*Então, se você sentir alguma coisa diferente, como por examplo não estar em paz ou animada ou confiante quando você perguntar algo para Ele, então esse sentimento não é Dele, ok?

Infelizmente, desta vez, eu recebi uma enxurrada de e-mails me perguntando se o que elas ouviram era verdade, muitas vezes não citando a parte da longa enumeração de mentiras a que elas se referiam. Então eu costumava achar que eu deixaria uma ou mais mentiras entrarem, como deixar uma mosca ou mosquito chato entrar no meu cérebro, que zumbia em torno para me distrair.

Embora eu não tenha certeza de como isso aconteceu, comecei a sentir uma sensação de falsa culpa. Falsa porque tudo dito foi baseado em uma crença equivocada, ou seja uma ideia errada que foi transmitida como verdadeira que estava cheia de buracos e totalmente inventada. E novamente, a culpa nunca é de Deus. (Para ajudá-lo a entender isso, por favor leia, Lição de Vida Semana 4-6 “Convicção” “Esconder” e “Acusador”).

O que também é tão alarmante é que eu não tinha ideia de que tinha tomado essa falsa culpa. Logo senti que eu estava carregando uma carga pesada, sem mencionar que reivindicar ou tomar posse de qualquer culpa falsa significa que a verdadeira parte culpada nunca sentirá remorso ou terá a convicção necessária para se acertar com Deus. (Mais uma vez, para ajudá-lo a entender isso, leia, Lição de Vida, Semana 4-6, “Convicção” “Esconder” e “Acusador”)

Na próxima semana, vou compartilhar com vocês como me libertei da falsa culpa que me fazia sentir esgotada.