Como tudo isso começou?

A paz minhas queridas! Para honra e glória do Senhor, enfim chegou o meu tão sonhado dia de escrever meu testemunho de casamento restaurado. Perdoem-me pela demora, perdão Pai.

Estávamos casados há 5 anos, um casamento perfeito de cumplicidade, onde muitas pessoas até nos invejavam…. Mas tínhamos vidas paralelas, trabalhávamos aos finais de semana, quando um folgava o outro trabalhava, um desencontro, mas seguíamos assim. Isso foi nos distanciando, embora eu tivesse a certeza do nosso amor. Não éramos cristãos. Tive que fazer uma cirurgia, fiquei quinze dias afastada do trabalho aí pude perceber de perto atitudes estranhas. Meu marido estava frio, distante, me tratando como uma irmã. Então foi quando deitada e em recuperação, o indaguei perguntando o que estava acontecendo. Ele chorando me disse que estava confuso, que não sabia o que estava acontecendo, pois gostava de mim, mas não me amava mais. Como fazia pouco tempo que o Senhor havia recolhido minha mãe, ele se sentia mais culpado.

Foi uma apunhalada pelas costas, mas o pior estaria por vir, achei melhor então ele sair de casa e ele concordou, disse que precisava de um tempo para encontrar um lugar para morar. Fiquei desesperada, sem chão, sozinha, confusa. Emagreci onze quilos em uma semana, perdi o emprego, pagava aluguel, imaginem o pior cenário. Desesperador, eu pensava: eu tentei fazer tudo certo e tudo deu errado. E chorava, chorava a noite inteira… (sei que muitas estão como eu estava).

Bom, ele foi morar com uma tia e eu comecei a ir para igreja com a ajuda da minha irmã que é cristã, lá ouvi: “Não desista da sua família, mesmo que seu marido tenha quebrado a aliança com você!”. Eu me agarrei a esta promessa de Deus, tinha um misto de fé com incerteza, pois estava começando minha caminhada com o Senhor.

Comecei um jejum de 7 dias por respostas e o Senhor me mostrou em sonho que existia uma OM e que era do emprego dele. E realmente até hoje ele não sabe como descobri. Ele ficava uns dias em casa, outros na sua tia, eu engravidei e eram gêmeos. Só não entrei em depressão porque Sua destra fiel me sustentou.

Na semana que descobri a gravidez estava completando o tempo de experiência na nova empresa e tudo deu certo. Não me faltou nada amadas, nada. Sempre fui suprida por nosso querido Marido Celestial (não tenham medo, confiem). E eu comecei a dizimar 🙂

A OM por sua vez, me afrontava, mandava mensagens no meu celular, falava coisas horríveis, e eu grávida e sozinha lutando com minhas próprias forças, saí das redes sociais (façam isso por favor), mas mesmo assim nada mudava.

Minhas filhas nasceram e um mês depois uma foi para casa e a outra foi recolhida pelo Senhor. Meu marido sofreu muito, ele sempre foi um bom pai.

E as afrontas da OM se intensificaram e eu buscando ajuda na minha igreja. Falavam para eu não desistir, mas não sabiam como me orientar (como um cego guia outro como a Erin mesma diz?). Enquanto meus amigos falavam: desista, sua situação é impossível, eu ia na contramão do mundo e andava na loucura das coisas de Deus. Um dia fui buscar algo na internet sobre restauração e eis que me surge o RMI.

Glória Deus!!!!

Li o livro e ao contrário de muitas achei aquilo um absurdo. Como, eu era a culpada? A pecadora? Não, eu não aceitava, larguei o livro para lá e continuei minha caminhada carnal (risos) como fui tola, mas Deus tinha um plano. Meses depois peguei o livro e fui ler novamente e comecei a seguir os princípios.

Como Deus transformou você & Ele transformou a sua situação conforme você O buscou de todo o coração?

Comecei a fazer os cursos, li o livro “Como Deus Pode e Vai Restaurar Seu Casamento” oito vezes e fui aplicando. O muro de ódio caiu, mas o amor dele pela OM só aumentava…e isso me deixava desanimada, ora queria desistir, ora o Senhor renovava minhas forças e eu seguia…

Quais os princípios, da Palavra de Deus (ou princípios dos nossos recursos), que o Senhor te ensinou durante essa provação?

Princípio 1: deixe ir, tire o foco da sua situação e do seu marido, sua bagagem fica leve….
Princípio 2: Saia das redes sociais.
Princípio 3: Confie no Senhor, permita-se saber somente o que o Senhor quer que você saiba, não procure informações.

Quais foram as horas mais difíceis que o Senhor te ajudou a atravessar?

Atravessei muitas situações difíceis, falecimento da minha bebê, saber que a OM estava grávida (sim eles tiveram uma filha), saber que no dia do nosso aniversário de casamento ele estava com a OM na praia… entre outras muitas, mas até aqui nos ajudou o Senhor!

Qual foi o “ponto de virada” de sua restauração?

O ponto de virada aconteceu quando eu não mais queria meu marido de volta! Que loucura. Ele vinha nos ver e eu estava tão completa e feliz com meu novo Marido Celestial que queria que ele fosse embora logo…

Compartilhe conosco COMO isso aconteceu. Seu marido simplesmente apareceu? Você suspeitou que isso estava perto de acontecer?

As lutas se intensificaram. E me posicionei em oração. Ah minhas companheiras de jornada, foram tantas situações que não dá para colocar tudo aqui. Gostaria que ele chegasse pedindo perdão com flores, mas não foi assim….tudo que idealizamos não é como está nos planos de Deus. Ele foi ficando dias da semana em casa, e acabou se aproximando cada vez mais. Ainda espero uma nova aliança (a minha está apertada). Mas estamos sendo restituídos de tudo que nos foi roubado. Não nos divorciamos e completamos este ano 10 anos de casamento.

Você recomendaria algum dos nossos materiais em particular que te ajudou ?

Recomendo a leitura da Bíblia, os cursos do RMI, os Encorajamentos. E o que sempre me deu esperança: os testemunhos de casamentos restaurados, para edificar nossa fé.

Você estaria interessadas em ajudar a encorajar outras mulheres?

Ajudo outras mulheres através do meu testemunho e indicando o RMI.

De qualquer forma, qual o tipo de encorajamento que você gostaria de deixar para as mulheres, em conclusão?

Nunca desistam, nunca. Seu MT vai voltar, eu creio. Sou prova da fidelidade do Senhor. Mesmo que as circunstâncias digam não, os planos do Senhor são maiores que os nossos.

“Não andeis ansiosos por coisa alguma,em tudo porém, sejam conhecidas diante de Deus às vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. E a paz de Deus que excede todo o entendimento guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus.” Filipenses 4:6-7

Amo vocês.

~ Uma Reconstrutora em São Paulo