Leia o Testemunho de Casamento RESTAURADO
"Eu O busquei incansavelmente"

Esse testemunho foi tirado de um de nossos muitos livros
Palavra de Seu Testemunho
Para ajudar VOCÊ
A superar qualquer medo e dúvidas na
Habilidade e Desejo de Deus em
Restaurar SEU Casamento!

* Em Breve Palavra dos Seus Testemunhos.
Leia ao seu Encorajamento diário para o anúncio.

Capítulo 16 "As Chaves dos Céus"

 

“Eu te darei as chaves
do reino dos céus...”
—Mateus 16:19
 

wRYM-Portuguese-Cover

Jesus deu-nos as chaves dos céus para “desligarmos” o mal e “ligarmos” o bem. “E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus” (Mateus 16:19).

Remova o mal. Ache um versículo a respeito do que você quer remover. Você deve primeiro amarrar o “valente”, que é o espírito que oprime a pessoa pela qual você ora. Busque um versículo com o qual você possa orar. “Ninguém pode roubar os bens do valente, entrando-lhe em sua casa, se primeiro não maniatar (amarrar) o valente” (Marcos 3:27). Amarrar e quebrar as cordas do pecado que está controlando a pessoa que está sendo feita cativa. “Quanto ao ímpio, as suas iniqüidades o prenderão, e com as cordas do seu pecado será detido.” (Provérbios 5:22)

Substitua o mal pelo bem. Isto é muito importante! “Quando o espírito imundo tem saído do homem, anda por lugares secos, buscando repouso; e, não o achando, diz: Tornarei para minha casa, de onde saí. E, chegando, acha-a varrida e adornada. Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e o último estado desse homem é pior do que o primeiro” (Lucas 11:24-26).

Se você falhar em substituir. Se você falhar em substituir o que você removeu, isto se tornará pior do que antes de você orar. Esta é a razão pela qual tantas pessoas que fazem dietas acabam engordando. Os ‘experts’ dizem que eles param de comer todo o mal ou tentam não comer nada. Mas nunca substituem isto com algo bom, como oração, caminhadas, exercícios ou comer algo que é bom para eles. Outro exemplo pode ser quando alguém tem a pele muito oleosa. Ela lava o rosto com sabão ou com álcool para retirar o óleo. Então, horas depois a pele está ainda mais oleosa! Os dermatologistas dizem que você deve substituir o óleo que removeu com uma pequena dose de loção.

Substitua as mentiras pela verdade. A verdade só pode ser achada em Sua Palavra. A menos que o que você ouça, o que leia ou que alguém fale para você seja compatível com os princípios da Palavra de Deus, É UMA MENTIRA!

Substitua a “armadura da carne” pelo “Senhor”. Substitua a confiança na “armadura da carne” (você, uma amiga, quem quer que seja) com a confiança no Senhor. “No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do Seu poder” (Efésios 6:10).

Substitua a atitude de fugir para longe por correr para Deus! “Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.” Salmos 46:1. Corra para o livro de Salmos! Leia os Salmos (e Provérbios) todo dia. Leia os Salmos que correspondem ao dia do mês mais 30, até o final, então leia o Provérbio correspondente (por exemplo: no 5º dia do mês, leia os Salmos 5, 35, 65, 95, 125 e o Provérbio 5). Uma boa maneira para lembrar é escrever qual a próxima leitura no final do Salmo (por exemplo: no final do Salmo 6 escreva 36, no final do 36 escreva 66. Quando chegar ao 126, escreva Provérbio 6). Já que o Salmo 119 é muito longo é reservado para o 31º dia do mês.

Como membro da Comunidade Restaurar, você pode acessar nosso Devocional Diário em nosso website. Vá ao site www.ajudamatrimonial.com para se associar!

Substitua clamar a outra pessoa por clamar ao Senhor! Ele promete ouvi-la e sustentá-la imediatamente! Mas você deve clamar! Não pense ‘Bem, Deus não me ajudou no passado’! Se Ele não ajudou, foi simplesmente porque você não pediu. “Pedi e dar-se-vos-á; buscai e encontrareis” (Mateus 7:7).

Preparando-se Para a Guerra

Coloque sua armadura diariamente como descrito em Efésios 6:10-18.

As ciladas do diabo. “No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do Seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo” (Efésios 6:10-11). Lembre-se quem é seu real inimigo: Satanás, não seu marido.

A armadura completa de Deus. “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau.” Efésios 6:12-13. Você deve resistir ao medo que faz com que você fuja ou desista, permaneça firme e, tendo feito tudo, continue a permanecer firme. O Salmo 37 é bom para você orar quando estiver contaminada pelo medo.

Fique firme. “Estai, pois, firmes, tendo cingido os vossos lombos com a verdade...” Efésios 6:14. As pessoas falam sobre ‘dar um passo de fé’. Pode ser melhor parar de se movimentar e somente ficar firme! Isto pode ser a diferença entre confiar e tentar a Deus. Algumas vezes sentimos como se estivéssemos dando um ‘passo de fé’, mas estamos na realidade nos jogando do alto de uma montanha, como Satanás disse para Jesus fazer.

Muitas vezes devemos não dar um ‘passo’ de fé, mas, sim, ‘ficar firme’ na fé. Nossas convicções devem nos habilitar a ‘ficarmos firmes’ no que é certo. Se nos movermos, podemos acabar caindo do alto da montanha. Se Deus traz adversidade em nossas vidas, nossa firmeza será o testemunho. Entretanto, como você verá em seguida nesta lição, algumas vezes somos chamadas a dar um passo e andar sobre a água, como Pedro foi chamado a fazer. Aqui é necessário o discernimento. Uma regra que pode nos ajudar é o tamanho da urgência. Normalmente nossa ‘carne’ traz urgência; Deus normalmente nos diz para esperar.

Sua justiça.”...e vestida a couraça da justiça” (Efésios 6:14). Deus está falando sobre Sua justiça, não a nossa. Ele nos diz em Sua Palavra que nossa justiça não é nada além de “trapo da imundícia” (Isaías 64:6).

Ande em paz. “E calçados os pés na preparação do evangelho da paz...” Efésios 6:15. Você pode clamar a promessa em Mateus: “Bem-aventurados são os pacificadores!” Esteja em paz com TODAS AS PESSOAS em TODOS os momentos!

O escudo da fé. “Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.” Efésios 6:16. Você deve ter fé – não em você ou em outra pessoa como um abrigo ou um juiz – fé em Deus, Nele somente! Circunstâncias nada têm a ver com fé. Acredite em Sua Palavra somente a respeito de sua situação.

O capacete da salvação. “Tomai também o capacete da salvação...” (Efésios 6:17). Você deve ser salva, você deve ser um de Seus Filhos para realmente vencer uma batalha espiritual. É tão fácil como falar com Deus neste exato momento. Apenas diga a Ele, em suas próprias palavras, que precisa Dele, agora. Peça que Ele se torne real para você. Dê-lhe sua vida, uma vida que está uma confusão, e peça ao Senhor para torná-la nova.

Diga a Ele que fará o que Ele pedir, já que Ele agora é seu Senhor. Peça a Ele para “salvar você” de sua situação e da eternidade que está esperando por todos aqueles que não aceitam Seu presente da vida eterna. Agradeça a Ele por Sua morte na cruz, morte que Ele morreu por você. Você pode acreditar agora que não mais viverá sozinha, Deus sempre estará com você e você passará a eternidade no Paraíso.

A espada do Espírito. “Tomai (...) a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus.” Efésios 6:17. Isto é exatamente o que temos ensinado: use Sua Palavra para a batalha que será vencida. Quando a batalha é do Senhor, a vitória é nossa! Escreva em cartões 3x5 todos os versículos que vão ajudá-la em sua batalha. Mantenha-os com você em todo o tempo em sua bolsa. Quando sentir que um ataque está vindo, como de medo, leia os versículos a respeito do medo (leia Romanos 8:15 e Salmo 23 para achar maravilhosos versículos para contra-atacar o medo). Clame a Deus. Permaneça firme na fé. “Aquietai-vos e sabei que Eu sou Deus” (Salmos 46:10).

Ore em todo o tempo. “Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito” (Efésios 6:18). Ore em seu Espírito. Tenha horários designados para a oração três vezes ao dia (como Daniel fez). Esta foi uma das razões pelas quais ele foi lançado na cova dos leões. Não se preocupe, mas lembre-se que, mesmo que você seja lançada na cova, Deus vai fechar a boca dos leões!

Esteja alerta. “...e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos” (Efésios 6:18). Ore por outra pessoa que você conhece toda vez que o medo assustá-la. “De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.” 2 Co 12:9-10. Depois de ter orado por alguém, ligue e conte para esta pessoa.

Ore pelos que perseguem você. Deus também nos pediu para orarmos por alguém mais: nossos inimigos, todos eles. Ore por eles e peça a Deus para mostrar-lhe como Ele quer abençoá-los. Somente depois que Jó orou por seus ‘amigos’, Deus restaurou o que Jó perdeu. “E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía” (Jó 42:10). “Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem” “para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus” (Mateus 5:44-45).

Conheça a Palavra de Deus

Sua Palavra não voltará vazia. Você deve conhecer e aprender a Palavra de Deus. Você deve procurar as abençoadas promessas de Deus. Estes princípios são provenientes da Palavra de Deus e quando falamos Sua Palavra para Ele em oração, ela não voltará vazia.

Esta é a Sua promessa para você! “Assim será a Minha palavra, que sair da Minha boca; ela não voltará para Mim vazia, antes fará o que Me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei” (Isaías 55:11). Seu desejo é que você vença o mal deste mundo. Você deve fazer o que Deus mesmo garante. Não aceite imitações ou falsificações.

Busque por Seus princípios em sua Bíblia. Busque entendimento. Deus diz que se você buscá-lo vai encontrar. A Palavra de Deus dá sabedoria. Olhar profundamente para o significado dará a você  melhor entendimento. “E Eu vos digo a vós: Pedi e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei e abrir-se-vos-á” (Lucas 11:9). E quando você souber o que fazer, então pode aplicar isto em sua vida. “Com a sabedoria se edifica a casa, e com o entendimento ela se estabelece; e pelo conhecimento se encherão as câmaras (quartos) com todos os bens preciosos e agradáveis” (Provérbios 24:3-4).

Leia Sua Palavra com prazer. Marque os versículos em sua Bíblia. “Deleita-te também no Senhor, e (Ele) te concederá os desejos do teu coração” (Salmos 37:4). Separe um tempo para marcar os versículos, a fim de ter uma referência rápida em tempos de angústia (ou quando conduzir outra pessoa à Palavra). Em Lucas 4:4-10, o que Jesus respondeu quando Satanás estava procurando tentá-lo? “E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito... porque está escrito... dito está...”. Use um marcador amarelo ou de diferentes cores para promessas específicas.

Memorize. Medite dia e noite. Memorize as promessas que achar até que a abençoada segurança delas transbordem em seu coração. Você deve aprender e conhecer as promessas de Deus se quiser depender Dele somente. “Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará” (Salmos 1:2-3).

Não importa quão ruins as coisas pareçam, Deus está no controle. Nosso consolo está em saber que Deus está no controle, não nós e, certamente, não Satanás. “Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu (permissão) para vos cirandar (peneirar) como trigo; mas Eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos” (Lucas 22:31-32).

Peneirado. Jesus sabia o resultado, embora Pedro tivesse que ser “peneirado” para estar preparado para o chamado de Deus em sua vida. Você estará preparada quando Ele lhe chamar? “Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma” (Tiago 1:4).

Guerra Espiritual

Leve seus pensamentos cativos. Sua batalha será vencida ou perdida em sua mente. “Destruindo os conselhos e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento à obediência de Cristo. E estando prontos para vingar toda a desobediência, quando for cumprida a vossa obediência” (2 Coríntios 10:5-6). Não jogue nas mãos do inimigo. Não estimule pensamentos maus. Leve-os cativos!

O Poder de Três

Duas ou três reunidas. Procure outras duas MULHERES que orem com você. “E acontecia que, quando Moisés levantava a sua mão, Israel prevalecia; mas quando ele abaixava a sua mão, Amaleque (o inimigo) prevalecia. Porém as mãos de Moisés eram pesadas, por isso tomaram uma pedra, e a puseram debaixo dele, para assentar-se sobre ela; e Arão e Hur sustentaram as suas mãos, um de um lado e o outro do outro; assim ficaram as suas mãos firmes até que o sol se pôs. (...)” (Êxodo 17:11-12).

Ache duas mulheres a quem você possa se apoiar para não ficar muito fraca. Ore para que Deus a ajude a achar duas outras mulheres que tenham a mesma mentalidade. Você pode achar uma Parceira de Encorajamento em nosso website.

O poder de três. “E, se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa” (Eclesiastes 4:12).

Para levantar o outro. “Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho. Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro. Mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante” (Eclesiastes 4:9-10).

Ele está com você. “Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em Meu nome, aí estou eu no meio deles” (Mateus 18:20). “Então o rei Nabucodonosor se espantou e se levantou depressa; falou, dizendo aos seus conselheiros: Não lançamos nós, dentro do fogo, três homens atados? Responderam e disseram ao rei: É verdade, ó rei. Respondeu, dizendo: Eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho de Deus” (Daniel 3:24). Você nunca está sozinha!

Concordância. “Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por Meu Pai, que está nos céus” (Mateus 18:19). Quando você estiver lutando com a paz sobre algo, ligue para alguém que esteja crendo com você e ore em concordância.

Estar na brecha. “E busquei dentre eles um homem que estivesse tapando o muro e estivesse na brecha perante Mim por esta terra, para que Eu não a destruísse; porém a ninguém achei” (Ezequiel 22:30).

Orar uns pelos outros. “Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos” (Tiago 5:16). E também, confessar a uma mulher de mesma mentalidade é a melhor forma de obter um coração puro.

Faça sua confissão. Esdras sabia o que fazer quando orava: “E enquanto Esdras orava e fazia confissão, chorando e prostrando-se diante da casa de Deus...” (Esdras 10:1). Continue confessando a verdade.

Quando você desiste de orar? Nunca! Temos um maravilhoso exemplo do fato de que Deus nem sempre está dizendo ‘não’ quando não temos nossas orações respondidas.

Sua fé é grande. A mulher cananéia continuou a implorar a Jesus pela cura de sua filha. O resultado: “...Então respondeu Jesus, e disse-lhe: Ó mulher, grande é a tua fé! Seja isso feito para contigo como tu desejas. E desde aquela hora a sua filha ficou sã” (Mateus 15:2). Quando oramos por alguma coisa que é claramente a vontade de Deus e parece que não fomos ouvidas ou que Ele disse algo que pensamos que seja ‘Não’, Deus simplesmente quer dizer que devemos continuar pedindo, esperando, implorando, jejuando, crendo, pranteando, nos entregando prostradas diante Dele!

A batalha pela alma dele. Você está em jugo desigual? A verdadeira batalha pelo nosso lar é a batalha pela alma de nossos maridos! Lembre-se que você tem a promessa: “...(serás salvo), tu e toda a tua casa” (Atos 11:14). Lembre-se, o marido é santificado através de sua esposa. “Porque o marido descrente é santificado pela mulher (...) Porque, de onde sabes, ó mulher, se salvarás teu marido?” (1 Coríntios 7:14-17).

Para achar uma parceira de oração como parte dos benefícios da nossa comunhão, vá até o nosso website: www.ajudamatrimonial.com

Oração e Jejum

Oração E jejum. Jesus disse a seus apóstolos: “Mas esta casta de demônios não se expulsa senão pela oração e pelo jejum” (Mateus 17:21). Se você tem orado fervorosamente e verificado para ver se seus caminhos são puros, então está sendo chamada a jejuar. Há diferentes durações de jejuns:

Jejum de três dias. Ester jejuou “pelo favor” de seu marido, o rei. Ela jejuou 3 dias “pelo favor”. “Vai, ajunta a todos os judeus que se acharem em Susã, e jejuai por mim, e não comais nem bebais por três dias, nem de dia nem de noite, e eu e as minhas servas também assim jejuaremos” (Ester 4:16). Este jejum (ou o de 7 dias) tem outro benefício para aquelas que são contenciosas ou não conseguem parar de falar. Você se tornará muito fraca para discutir!!!

Jejum de um dia. O jejum de um dia começa à noite, depois de sua refeição noturna. Você só bebe água até o período de 24 horas se completar, então come a refeição noturna do dia seguinte. Você jejua e ora durante este período por sua petição. Este jejum pode ser feito algumas vezes por semana.

Jejum de sete dias. Há um jejum que dura 7 dias (sete dias parece representar a perfeição) “E sucedeu que, ouvindo eu estas palavras, assentei-me e chorei, e lamentei por alguns dias; e estive jejuando e orando perante o Deus dos céus” (Neemias 1:4). Normalmente será durante um grande pesar que você será ‘chamada’ a jejuar por sete dias.

Meus joelhos estão fracos de tanto jejuar. Quando você está com fome ou fraca, use este momento para orar e ler Sua Palavra. “De jejuar estão enfraquecidos os meus joelhos, e a minha carne emagrece” (Salmos 109-24).

Com o objetivo de ser visto. Mantenha tanto silêncio a respeito de seu jejum quanto for possível. Durante o jejum, você deve estar em silêncio, nunca reclamar ou chamar a atenção para você. “E, quando jejuardes, não vos mostreis contristados como os hipócritas; porque desfiguram os seus rostos, para que aos homens pareça que jejuam. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão. Tu, porém, quando jejuares, unge a tua cabeça, e lava o teu rosto, para não pareceres aos homens que jejuas, mas a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente” (Mateus 6:16-18).

Muitas escrevem para mim porque dizem que não podem jejuar. Se for por razões médicas ou gravidez, então jejue privando-se ‘qualquer coisa boa’. Se, entretanto, você achar que não pode jejuar porque está trabalhando - você está negociando irregularmente você e Deus!

Quando o batalha tiver sido vencida, fique parada e veja. Uma vez que você saiba que orou, como temos lido através da Bíblia, então faça como é dito: “Nesta batalha não tereis que pelejar; postai-vos, ficai parados e vede a salvação do Senhor para convosco” (2 Crônicas 20:17).

Ninguém deve se vangloriar. Deus diz que somos um povo obstinado. Quando uma batalha é vencida ou quando a batalha acabou, gloriemo-nos somente Nele. Vamos continuar a ser humildes. “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie” (Efésios 2:8-9).

 “Não fales no teu coração, dizendo: Por causa da minha justiça é que o Senhor me trouxe a esta terra para a possuir; porque pela impiedade destas nações é que o Senhor as lança fora de diante de ti. Não é por causa da tua justiça, nem pela retidão do teu coração que entras a possuir a sua terra, mas pela impiedade destas nações (...) pois tu és povo obstinado (...) rebeldes fostes contra o Senhor” (Deuteronômio 9:4-7).

Todos nós pecamos e carecemos da glória de Deus. Então vamos lembrar disto quando a batalha for vencida. Nossa justiça não é nada além de trapos imundos. Glorie-se Nele!

A intensidade de nossas provações é um sinal de que estamos perto da vitória. Suas provações podem se intensificar quando você estiver perto de alcançar a vitória. “Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo” (Apocalipse 12:12).

Você deve batalhar da maneira certa. Faça o que Deus diz, isto vai funcionar! Não tente defender a si mesma, isto cria guerra e corações endurecidos. “E, finalmente, sede todos de um mesmo sentimento, compassivos, amando os irmãos, entranhavelmente misericordiosos e afáveis. Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção” (1 Pedro 3:8). Esteja certa de que ande a outra milha e abençoe seu marido. Pergunte a Deus sobre como Ele quer que você abençoe seu marido.

Esta é uma batalha espiritual. “Ou pensas tu que eu não poderia agora orar a Meu Pai, e que Ele não Me daria mais de doze legiões de anjos?” (Mateus 26:52). Nosso Pai Celestial chamará Seus anjos para lutar a seu favor nos “lugares celestiais”, onde a “verdadeira batalha” está acontecendo. “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” (Efésios 6:12).

Seu marido não é o inimigo. “Não sabeis vós que a quem vos apresentardes por servos para lhe obedecer, sois servos daquele a quem obedeceis, ou do pecado para a morte, ou da obediência para a justiça?” (Romanos 6:16). Uma pessoa em pecado está escravizada pelo diabo.

Nós podemos pensar que aquele que peca é horrível, mas nós também somos, se continuarmos a reagir com vingança (lembre-se, ela pertence a Deus somente!) “Porque, andando na carne, não militamos segundo a carne. Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas” (2 Coríntios 10:3-4). Vamos atingir a causa ao invés do sintoma.

Esteja comprometida. Esteja comprometida a despeito das conseqüências e deixe os resultados para Deus. “Eis que o nosso Deus, a quem nós servimos, é que nos pode livrar; ele nos livrará da fornalha de fogo ardente, e da tua mão, ó rei. E, se não (livrar), fica sabendo ó rei, que não serviremos a teus deuses nem adoraremos a estátua de ouro que levantaste” (Daniel 3:17-18).

Estes jovens creram que Deus iria livrá-los, mas a despeito das conseqüências eles resolveram obedecer ao Senhor de qualquer forma. Mesmo que tivessem que morrer na fornalha, eles deveriam fazer o que sabiam que Deus queria que fizessem e deixar os resultados com Deus. Os jovens não morreram, mas as cordas que os prendiam foram removidas através do seu caminhar no fogo. Você tem cordas (de pecados ou preocupações) que a estão prendendo? Deus libertará. Esta é a Sua batalha! Chame pelo Senhor dos Exércitos; Ele é o guerreiro.

Compromisso pessoal: usar as “chaves” que Deus me deu. “Baseado no que eu aprendi na Bíblia, eu me comprometo a usar as “chaves” que Deus me deu para lutar a batalha espiritual que se enfurece diante de mim. Eu me recuso a lutar na carne, mas em vez disso, usarei a oração e o jejum que são “divinamente poderosos” para a destruição de fortalezas que estão contra o meu casamento, marido, família e eu”.

Se você está pronta para fazer esse compromisso com Deus, de começar a seguir os princípios que aprendeu nesta lição, então Clicando Aqui você concorda com o que aprendeu, e está pronta para documentar essa parte de sua Jornada da Restauração no formulário “O que Eu Aprendi”.