Dia 4: ASSEGURANDO SEU SUCESSO 4
"Três Chaves"

mas primeiro um Testemunho de Casamento Restaurado

Drogas, Álcool, Outra Mulher, Gravidez, No Entanto Restauração!

Meu marido foi embora inesperadamente, partindo meu coração. Eu estava desesperada buscando livros na internet, ou qualquer coisa que pudesse me ajudar a entender o que estava acontecendo e que me desse esperança de que Deus iria trazê-lo de volta para casa. Eu encontrei o RMI e li seus materiais durante três meses e fui encorajada antes de encomendar o meu próprio material.

Eu recebi o material no dia do nosso aniversário de casamento, que veio a ser o dia em que meu marido me visitou. Ele passou para perguntar se eu queria sair para comer alguma coisa. Eu tinha lido o capítulo 1 do livro “Como Deus Pode e vai Restaurar o Seu Casamento” e foi isso que me ajudou naquele jantar. Aquela foi a primeira gota de esperança que eu tive desde que ele partiu no dia 1º de Abril. Deus começou a trabalhar a partir daquele momento, me transformando, me ajudando a ser doce e a perdoar verdadeiramente. Foi um milagre no meu coração.

Eu aprendi sobre submissão bíblica e sobre confiar em Deus, não importando qual fosse a situação. Eu aprendi a ser grata pelas pequenas coisas, sabendo que Ele era fiel para prover tudo o que eu precisava. Eu aprendi que TODAS as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e que são chamados de acordo com o Seu propósito.

Eu aprendi que Deus não nos dá mais do que podemos suportar, mesmo quando achamos que nosso fardo está além do que aguentaríamos. Eu acho que aprendi a amar a Deus sobre todas as coisas. Eu oro para que Ele me dê quantas provações forem necessárias para que eu continue humilde e dependente Dele (e digo isso sinceramente). Fazer as coisas do nosso jeito, não traz paz ou alegria e Ele sabe disso!

Os materiais que eu comprei incluem:

Como Deus Pode e Vai Restaurar o Seu Casamento— este livro me ajudou bastante a aprender a controlar a minha boca.

O livro Uma Mulher Sábia"– que me deu muita ajuda e esperança.

Eu acho que Deus me abençoou pela minha obediência.

O livro Uma Mulher Sábia e os vídeos foram os recursos que mais me ajudaram.

Deus me ajudou a me arrepender pelo meu egoísmo no nosso casamento e em geral. Ele me ajudou a ver como eu era e esteve comigo me cobrindo com a Sua misericórdia diante do meu coração partido. A minha fé foi reavivada como nunca, mesmo que antes eu sempre renha me alegrado pela minha salvação.

Era diferente ter Ele me sustentando daquela forma, aprendendo tanto. Eu não fiz dieta ou exercício, mas perdi bastante peso e me senti bem como há muito tempo eu não sentia. Eu jejuei pela primeira vez e descobri uma forma mais profunda de oração do que aquela que eu já conhecia.

Glórias ao Senhor por tudo que Ele tem feito. Eu estava casada há sete anos quando meu marido me deixou. Eu descobri que ele estava envolvido com uma outra mulher, bebendo excessivamente e usando drogas. Nós tínhamos frequentado a igreja juntos nos últimos anos e ele foi salvo, mas agora ele dizia que aquilo fora apenas uma experiência emocional.

Nós não temos filhos e a OM engravidou, mas perdeu a criança antes do meu marido partir. Isso foi além do que ele conseguia suportar porque ele planejava me deixar e construir uma família com ela. Deus usou essa situação para me quebrantar completamente. Eu perdi todo interesse em tudo, mas me agarrei a Deus que me manteve bem próxima Dele.

Ele me deu um canto e esperança quando tudo estava escuro e doloroso demais para que eu enxergasse. Deus me fez companhia e me deu misericórdia pelo meu marido, me ajudando a amá-lo. Isso não veio de mim. Eu nem consigo acreditar no quanto Deus tem me transformado.

Eu havia sido tão egoísta, eu não fui a esposa que Deus queria que eu fosse. Eu já tinha passado por decepções antes, mas nada nunca tinha me atingido tão profundamente como essa situação me atingiu. Era o tempo de Deus. Ele sabia que eu precisava de uma experiência para me conformar mais à semelhança de Cristo.

Meu marido não falou muito comigo nos primeiros seis meses enquanto Deus continuava fielmente me ajudando a não desistir. Ele usou o RMI para me encorajar; eu não conseguiria ter vencido sem vocês. Eu li os materiais e assisti aos vídeos várias vezes. Eu estava tão dependente de Deus, que mesmo tendo muita mágoa, eu sabia que Ele estava me mantendo no caminho e isso era incrível.

Ele começou a me dar oportunidades de estar com o meu marido depois de seis meses. Esses momentos foram seguidos de provas extremas porque ele disse a todos que nunca voltaria para mim, porque éramos infelizes juntos. Ele continuou me dizendo o quanto nós havíamos nos afastado um do outro e que eu não conseguia enxergar isso.

Entretanto, mesmo sofrendo, eu só concordava. Ele compartilhava coisas que eu não queria saber sobre a OM e eu orei por ela, mas ver o domínio que ela tinha sobre ele estava me matando. Eu sei que não sou melhor que ela, e Deus sabe que isso é verdade.

Na época do Natal, ele me ligou chorando, em um estado lastimável. Ele não conseguia entender como eu poderia perdoá-lo algum dia ou como ele podia ter feito isso comigo. Ele veio para casa aquela noite e dormiu, mas foi embora na manhã seguinte. Em seguida ele me ligou no Ano Novo (ele estava sozinho — Glória a Deus!), e nós combinamos de nos encontrar no dia seguinte.

Nós fomos almoçar e ele acabou me pedindo o divórcio! Eu não sabia como reagir àquilo. Eu o ignorei e então gentilmente discordei com ele por quase meia hora até que Deus me tocou para concordar com ele. Então eu concordei. E este assunto nunca mais foi mencionado novamente! Que teste!

Ele continuou a fugir de Deus por mais um mês, ou um pouco mais, mas então, no Seu perfeito tempo, Ele o salvou. Ele voltou para casa em abril – nós ficamos separados por um ano exatamente! Que ano!

Desde que ele voltou para casa estamos trabalhando no nosso casamento, mas eu me esforço muito mais agora do que quando ele esteva fora. Eu consigo ver isso claramente. Porém eu sou muito grata, e dou glória a Deus em todas as oportunidades que tenho. Eu me puno toda vez que esqueço de dar graça, que é pelo Seu poder e Espírito que eu superei e continuarei a superar.

Até hoje estou aprendendo a como respeitar meu marido (sendo obediente a Deus), visto que eu nunca o respeitei porque ninguém me ensinou ou me corrigiu antes dessa tribulação. Agora, quando eu vejo essa conduta em outras mulheres, eu tento corrigi-las gentilmente.

Eu machuquei muito o meu marido; eu hoje sei que ele foi designado por Deus para ter o meu respeito — sem perguntas. Eu quero crescer nesse caminho. Ele já não bebe mais e nós estamos frequentando a igreja juntos. Ele quer que eu seja feliz e tenta me encorajar. Ele parou de ver a OM antes de voltar para casa (misericórdia de Deus por mim).

Ele está crescendo e eu nem consigo acreditar no que aconteceu. Deus é tão bom! Não sinto tristeza em relação a nada do que aconteceu e espero que Deus receba cada gota de glória por tudo isso. Glorifique a Deus pelas coisas do jeito que elas são, isso é o que eu também o farei—confiando no nosso Pai para fazer a obra enquanto nós humildemente obedecemos.

~ Michelle, Restauração em Wisconsin

Honestamente, é possível Assegurar o Sucesso
na sua vida, na vida de qualquer pessoa?
Com Certeza!

Embora a maioria das pessoas acredite que a Bíblia seja simplesmente uma lição de história, ou um livro cheio de mandamentos do tipo “não faça”, a verdade é que a Bíblia está cheia de PROMESSAS maravilhosas que transformam vidas!

Para que você creia e entenda essa verdade, eis aqui algumas promessas de Deus com a CONDIÇÃO requerida para o seu cumprimento.

Elas foram tiradas do capítulo 5 do livro Uma Mulher Sábia que você irá estudar no curso “Reconstruindo”:

Em cada promessa de Deus existe uma condição para que a bênção seja recebida. Muitas pessoas clamam a parte da bênção do versículo e omitem a condição. Não se pode clamar o versículo e escolher ignorar a condição.

Condição —“Creia no Senhor Jesus...
Promessa — e serão salvos, você e os de sua casa” (Atos 16:31).

Condição —“Deleite-se no Senhor,
Promessa — e Ele atenderá aos desejos do seu coração.” (Salmos 37:4).

Condição“Ensina a criança no caminho em que deve andar,...
Promessa — e, ainda quando for velho, não se desviará dele.” (Prov. 22:6).

Promessa“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem...
Condição — daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.” (Rom. 8:28).

O principal objetivo do nosso curso é ajudar as mulheres a terem SUCESSO e, portanto, queremos ter certeza de que VOCÊ, ou qualquer outra mulher que vier a nós com o coração no lugar certo, esteja POSICIONADA para ser abençoada e ter sucesso.


Deus Me Falou

Muitas mulheres acreditam verdadeiramente que, uma vez que Deus DISSE a elas ou lhes deu sinais, ou porque até mesmo receberam “uma palavra liberada” por um profeta, a restauração ACONTECERÁ algum dia. Mas isso não é verdade.

Embora a VONTADE Dele seja ver o seu casamento restaurado, NEM SEMPRE a Sua vontade é feita. Se fosse assim, então Jesus não teria razão para nos ensinar a orar dizendo “seja feita a Sua vontade”. Além disso, nós sabemos que Deus quer que TODAS as pessoas, TODAS ELAS, sejam salvas, mas sabemos também que nem todos serão. Por que? Por ter uma “condição” ligada à cada promessa – que inclui “crer no Senhor Jesus Cristo” porque só então “você será salvo.”

Vamos focar nesse versículo em particular, uma vez que NÃO é por "obras de justiça que somos salvos da eternidade longe Dele. Por quê? Para que ninguém se glorie que tenha feito alguma coisa! Leia o testemunho acima novamente. Michelle nunca se deu crédito por nada, já que ela sabia que a única coisa que ela fez foi obedecer e começar a ansiar pelo Senhor. Quando fazemos isso, o resto parece que entra nos eixos.

Contudo, se uma pessoa não obedecer a Deus, se não colocá-Lo em primeiro lugar, e apenas “fizer a oração” para ser salva, NÃO haverá frutos – nem mesmo aqui na terra, o que significa que essa pessoa não irá para o céu, não importa o que ela “pense”. O mesmo se aplica às mulheres que quebram todos os princípios da restauração, mas ainda assim fazem exigências e ficam com raiva porque passaram muito tempo esperando por aquilo que Ele havia prometido a elas.

Vemos isso no testemunho da Michelle. Ela estava pronta para a restauração por causa de sua obediência e do seu relacionamento forte com o Senhor. Se Deus restaurar um casamento, e a esposa não estiver pronta, isso trará um desastre ainda maior, além de mais mágoa para você e para todos os envolvidos.

Nessa lição INTRODUZIREMOS e lhe ajudaremos a se familiarizar com mais alguns dos princípios para a restauração do casamento que podem ser novos para você. Essas são apenas sementes que queremos semear em seu coração e mente e que, mais tarde, lhes ensinaremos com maior profundidade a como regá-las.

Agora gostaríamos de lhe ensinar três princípios CHAVE.

1. Dízimo.

Embora seja sempre arriscado falar sobre dinheiro (já que ele é o deus da maioria das pessoas), sabemos que haverá um risco muito maior envolvido se NÃO te ensinarmos esse princípio – para lhe mostrar o quanto o dízimo é importante para a sua restauração.

Se falharmos em te ensinar sobre a importância dele, então o inimigo (não o seu marido, o tribunal ou qualquer outro) continuará a ter PERMISSÃO para roubar a sua restauração e todas as outras coisas pelas quais você está mudando e trabalhando tão duro.

“...Satanás pediu vocês para peneirá-los como trigo"—Lucas 22:31.

E, como sempre acontece em relação à toda obediência, somente DEPOIS que obedecer é que você conseguirá compreender realmente. O entendimento segue a obediência. O que Deus nos pede para que usemos, em vez do entendimento (quando Ele nos move para darmos o primeiro passo), é a fé. Não apenas em dizimar, mas em tudo. Quando você obedece, é como se você rompesse uma densa neblina e entrasse na luz!

"Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos." —Hebreus 11:1 NVI

É isso que acontece quando você começa a obedecer o princípio divino do dízimo. Quando você começar a dizimar, você será capaz de ver essa verdade desabrochar diante dos seus olhos. Assim que você começar a dizimar, você não vai acreditar no que começará a acontecer na sua vida! Tudo à sua volta começará a mudar. Eu já vi isso centenas de vezes e é sempre emocionante ver isso acontecer.

Deus quer te abençoar tanto que essa é a ÚNICA área em que Ele pede para fazermos PROVA DELE! Porque Ele sabe que, quando você obedecer, você compreenderá plenamente e será capaz de testemunhar o que acontece.

"...Ponham-me à prova”, diz o Senhor dos Exércitos, “e vejam se não vou abrir as comportas dos céus e derra­mar sobre vocês tantas bênçãos que nem terão onde guardá-las."— Malaquias 3:10

Assim que vemos uma mulher recém-chegada dizimando, quase que imediatamente recebemos um Relatório de Louvor sobre algum avanço! Não, não um Testemunho de Restauração instantâneo, mas um relato sobre alguma fortaleza, algo que nunca havia se movido sendo vencido.

“Então, romperá a tua luz como a alva, a tua cura brotará sem detença, a tua justiça irá adiante de ti, e a glória do SENHOR será a tua retaguarda;"—Isaías 58:8

Sempre que estamos perplexos com o PORQUÊ da vida de uma mulher não começar a mudar ou porque, de repente, alguma coisa deu horrivelmente errado, verificamos se ela tem sido fiel em dizimar. Em 99 de cada 100 casos é por essa razão. Elas não dizimam ou pararam de dizimar.

"E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos."—Gálatas 6:9

"E vós, irmãos, não vos canseis de fazer o bem."—2 Tessalonicenses 3:13

Antes de começarmos a oferecer alimento espiritual por meio do nosso Encorajamento Diário, e também por meio dessas lições, nunca conseguíamos checar com precisão se uma mulher estava dizimando fielmente em sua igreja ou não – já que talvez não fôssemos a sua igreja.

"Obedecei aos vossos guias e sede submissos para com eles; pois velam por vossa alma, como quem deve prestar contas,..."—Hebreus 13:17

Se ela estiver sendo espiritualmente alimentada por sua igreja, então a encorajamos a dizimar lá e não para o nosso ministério.

"Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos,"— Malaquias 3:10

Contudo, descobrimos que, muito frequentemente, o que elas estavam aprendendo em suas igrejas fazia muito pouco para ajudar na restauração de seus casamentos ou mesmo para curá-las de sua dor.

"Acaso, não há bálsamo em Gileade? Ou não há lá médico? Por que, pois, não se realizou a cura da filha do meu povo? "— Jeremias 8:22

"O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porque tu, sacerdote, rejeitaste o conhecimento,"—Oséias 4:6

E foi por isso que entramos em cena para preencher essa grande necessidade que tantas mulheres têm.

"Assim diz o SENHOR Deus: Eis que eu estou contra os pastores e deles demandarei as minhas ovelhas; porei termo no seu pastoreio, e não se apascentarão mais a si mesmos; livrarei as minhas ovelhas da sua boca, para que já não lhes sirvam de pasto.’”—Ezequiel 34:10

As igrejas precisam alimentar com a verdade da Palavra de Deus, e começar a dar ao povo o que eles PRECISAM durante uma epidemia – a igreja está mergulhada em uma epidemia de crises de casamento, divórcios e adultério! Se mais de 50% das pessoas na igreja estão sendo destruídas por alguma coisa (algo com poder de destruir a família inteira), então esse deveria ser o tema do sermão pregado TODOS os domingos até que nós, Seu povo, sejamos capazes de mostrar ao resto desse mundo moribundo o que DEUS pode fazer!

Antes de prover o Encorajamento Diário, como nossas mensagens e lições, as mulheres tinham nossos livros, suas Bíblias, talvez alguns vídeos e, ocasionalmente, uma parceira virtual. Mas apenas ALGUMAS delas (comparado ao número imenso das que pediam ajuda), APENAS as mais disciplinadas, conseguiam se nutrir com a quantidade de alimento de que necessitavam. Por termos passado anos sem receber a verdadeira nutrição espiritual, para prevenir ou se recuperar de um casamento manco ou fracassado, todas nós precisávamos de grandes doses de verdade para lavar nossas mentes das mentiras e termos verdade suficiente para nos edificar e construir nosso relacionamento com Aquele a quem estávamos sendo infiéis.

Essas poucas mulheres que tiveram seus casamentos restauradas (poucas, mas cujos testemunhos são suficientes para encher muitos livros), não bastavam para nós. Queríamos ajudar mais, ajudar a todas, abordando o problema na sua fonte.

“Pela terceira vez Jesus lhe perguntou: Simão, filho de João, tu me amas? Pedro entristeceu-se por ele lhe ter dito, pela terceira vez: Tu me amas? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas, tu sabes que eu te amo. Jesus lhe disse: Apascenta as minhas ovelhas. "— João 21:17

Por muito tempo nós postávamos o nosso Encorajamento Diário em nosso próprio site, mas depois, devido à uma crise que ocorreu em nosso site (que é como a maioria das coisas nascem), começamos a ENVIAR, ou a entregar o alimento espiritual todos os dias. Nós começamos focando naquilo que as mulheres cujos casamentos estavam em crise mais precisavam! E não se trata de mais conhecimento bíblico que nos tornasse mais orgulhosas a fim de rebaixarmos nossos maridos e sairmos por aí julgando a todo mundo! Precisamos aprender a como ser Sua noiva, como ser ser esposa, mãe e dona de casa. Mas, mesmo antes disso, temos de aprender a sair da crise e recuperar aquilo que o inimigo nos roubou!

Fazemos isso em parte através do conhecimento adquirido, mas um componente chave é se você está ou não dizimando em sua igreja. E assim que vimos o que Deus estava fazendo, pudemos ver que a maioria das mulheres estavam se alimentando através de nós, e agora então sabíamos onde era a sua igreja. Portanto, agora não só conseguimos monitorar o que elas precisam para se fortalecer espiritualmente, como também conseguimos monitorar se elas chegaram a uma posição de obediência dando seus dízimos, ou se esse é apenas “mais um” princípio que escolheram ignorar.

"Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. Porque, se alguém é ouvinte da palavra e não praticante, assemelha-se ao homem que contempla, num espelho, o seu rosto natural; pois a si mesmo se contempla, e se retira, e para logo se esquece de como era a sua aparência."— Tiago 1:22-24

Deus fala mais sobre dinheiro na Bíblia do que sobre qualquer outra coisa, mais até do que sobre pecado, céu, inferno ou salvação. Você sabia disso? É porque o mal está enraizado no “amor” ao dinheiro. E a forma como administramos o dinheiro que Deus nos dá (seja aquilo que recebemos através do nosso trabalho, por meio de nossos maridos ou daquilo que recebemos do governo) está atrelada aos nossos corações. Portanto, a forma como você administra suas finanças e o quão obediente você é, revela a Ele (e a nós) o que está em seu coração.

"Pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram com muitos sofrimentos."—1 Timóteo 6:10

"Quanto à semente que caiu entre os espinhos, esse é o caso daquele que ouve a palavra, mas a preocupação desta vida e o engano das riquezas a sufocam, tornando-a infrutífera."— Mateus 13:22

A parte mais difícil para nós é encontrar o equilíbrio entre ensinar aquilo que você precisa desesperadamente aprender e ser fiel em seguir – e ao mesmo tempo não dar a impressão que nós estamos correndo atrás do seu dinheiro. A verdade é que as pessoas acreditam no que elas QUEREM acreditar. Isso também se aplica ao seu marido, quando ele acredita que está bem fora de casa,ou com relação à OM, quando ela acredita que não é adúltera (como a namorada do meu marido me disse). É uma questão de estar aberta à verdade – a verdade que libertará você, seu marido e a OM.

No entanto, assim como com seu marido, Deus promete inclinar (converter) o coração. "O coração do rei é como um rio controlado pelo Senhor; ele o dirige para onde quer." — Provérbios 21:1. Ao lhe darmos os nossos livros e lições gratuitamente, esperamos que isso prove que não estamos fazendo isso por dinheiro.

"Muitos adulam o governante, e todos são amigos de quem dá presentes."—Provérbios 19:6

E pelo fato Dele falar a tantos corações, algumas mulheres começaram a doar ao nosso “ministério de reconciliação”, para o qual fomos chamadas, muito antes de ensinarmos sobre isso, porque elas já estão aprendendo a ser sensíveis à liderança do Espírito Santo.

"Tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, ou seja, que Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não levando em conta os pecados dos homens, e nos confiou a mensagem da reconciliação." — 2 Coríntios 5:18-19.

Tudo que demos a você é um PRESENTE – da mesma maneira, e para usar como um exemplo de como Jesus nos deu a salvação como Seu presente GRATUITO! E da mesma forma que Ele não quer que você pague de volta, nós também não queremos. Ele te deu esse presente porque Ele te ama. Nós e nossas parceiras damos (e continuamos a dar) porque também a amamos! Temos visto você crescer, e até mesmo tropeçar e, como uma mãe, muitas vezes nós sabemos quando precisamos nos afastar e deixar que você se levante novamente. E, no caso daquelas que não conseguem se erguer, nós as levantamos.

A parte mais difícil para nós é conseguir que as mulheres confiem em nós e deem uma chance ao dízimo. Na verdade, só o fato de Deus dizer para “testá-Lo” deveria ser suficiente, mas ainda vemos que não é.

Quando começamos nosso ministério, naturalmente seguimos o que muitas igrejas e ministérios fazem, permitindo que todas soubessem que “precisávamos” da sua ajuda. Foi preciso trilhar uma estrada longa e dura, espalhada por muitos vales e percurso de rios para finalmente entender (embora isso devesse ter sido óbvio) que um ministério não é diferente de uma pessoa ou de uma família. Isso significa que se Deus disse que ELE SUPRIRIA TODAS as nossas necessidades, e que é em vão levantar cedo, ir para a cama tarde e trabalhar penosamente, porque é ELE quem nos DÁ mesmo enquanto dormimos – então é exatamente assim como Ele está dizendo  e nós também deveríamos seguir esse princípio!

"Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão que penosamente granjeastes; aos seus amados ele o dá enquanto dormem."—Salmos 127:2

Quando levantamos cedo, às 3 horas da manhã, não é porque temos que levantar, mas porque queremos. Ajudar mulheres se tornou a nossa paixão, já que Ele se tornou a nossa paixão, então estamos apenas derramando o que Ele derrama sobre nós!

E desde que começamos a abraçar plenamente o princípio de que Deus provê nossas necessidades, simplesmente não temos preocupações financeiras. Se precisamos de mais, Ele provê.

"E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades."—Filipenses 4:19

E, como Ele pode, Deus também está ansioso para nos dar um bônus. Quando você tiver passado pelas provas do coração (e acredite em mim, você será provada), Ele quer e ama fazer mais.

"Por isso, o SENHOR espera, para ter misericórdia de vós, e se detém, para se compadecer de vós, porque o SENHOR é Deus de justiça; bem-aventurados todos os que nele esperam."—Isaías 30:18

Que bônus é esse que Ele anseia por nos dar?

Ele anseia fazer com que as bênçãos nos “ultrapassem”! Isso significa que ANTES de chegarmos ao ponto de “precisar” de mais, Ele aumenta as nossas finanças (ou em qualquer outra área de necessidade) e já estará mais à frente com esse aumento preparado, à nossa espera!

"Se ouvires a voz do SENHOR, teu Deus, virão sobre ti e te alcançarão todas estas bênçãos:"—Deuteronômio 28:2.

Agora que chegamos ao ponto de obedecer e compreender esses princípios, estamos livres para focar somente em falar e servir a verdade, sem nos preocuparmos se as pessoas nos ajudarão ou não! Agora que as nossas NECESSIDADES estão supridas, também podemos focar em dar aos outros!

" E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”—João 8:32

Sim, somos livres para doar, mas não para correr o risco de não te dar espaço para investir em nosso relacionamento, que é o que aprendemos logo no primeira lição “Estabelecendo Relacionamentos Fortes”. Precisamos seguir aqueles mesmos princípios que te explicamos, e que são tão importantes em seus relacionamentos. Isso significa que se dermos demais, e não deixar espaço para que você devolva, então estaremos apenas machucando aquelas mesmas pessoas que aprendemos a amar, aquelas que nos são tão queridas – VOCÊS.

Estamos sendo honestas? Será que realmente atingimos o ponto de amá-las dessa forma? Bom, deixe-me lhes perguntar isso: pode alguém se importar em nutrir o crescimento de qualquer coisa, ou de qualquer outro ser, sem se apegar? Você e eu não conseguiremos orar por alguém sem nos envolvermos com o seu bem-estar, certo? É impossível, e é por isso que em nossa lição sobre “Deixar Ir” (para aquelas que não conseguem deixar seus maridos irem), nós as encorajamos a PARAREM de orar por seus maridos até que seus corações estejam firmes no Senhor.

Outro ponto em dar demais é que, sem uma saída para escoar as bênçãos, a alma da pessoa se torna um Mar Morto. Quando algo é derramado sobre nós, precisamos encontrar uma maneira de derramar naquela mesma área na vida de outras pessoas. É por isso que, se você continuar nessa Jornada de Restauração conosco, muito em breve você se encontrará compartilhando com outras mulheres em crise sobre as verdades maravilhosas e os versículos que você está aprendendo em sua jornada.

Você não só precisa de um "escoamento" para não se tornar um Mar Morto, como também precisa ter uma forma de redirecionar para ONDE (ou devo dizer para “quem”) você naturalmente quer ensinar ou liderar.

Desde o início dos tempos, as mulheres têm desorientado seus maridos, e isso tem levado gerações inteiras a enfrentar problemas – tudo porque querermos liderar, e até ensinar aos homens em vez de aceitar que eles nos liderem e nos ensinem (a nós e aos nossos filhos). Nós queremos te preparar agora e habituá-la a derramar tudo quanto você aprendeu na vida de outras mulheres que estarão ansiosas para ouvir e absorver tudo o que você tem a dizer. Mulheres que estão exatamente na posição em que você já se viu um dia – desesperadas e famintas pela verdade!

Jesus foi claro ao dizer que devemos fazer discípulos, razão pela qual Ele disse:

"Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;"—Mateus 28:19

“Disse, pois, Jesus aos judeus que haviam crido nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos;"—João 8:31

Se você tem dificuldade com o conceito do dízimo, leia todos os dias os versículos abaixo.

"Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida. Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos. "— Malaquias 3:10-11

"Ora, pois, assim diz o SENHOR dos Exércitos: Considerai o vosso passado. Esperastes o muito, e eis que veio a ser pouco, e esse pouco, quando o trouxestes para casa, eu com um assopro o dissipei. Por quê? - diz o SENHOR dos Exércitos; por causa da minha casa, que permanece em ruínas, ao passo que cada um de vós corre por causa de sua própria casa." Ageu 1:5, 9.

E não tente FAZER nada: se isso não vier naturalmente, não force. O mais importante é que você comece a aprender a mudar a sua convicção interiormente e não por uma força externa.

2. Fique longe de todo aconselhamento ou ensinamentos opostos.

Um outro princípio muito importante é quando as mulheres começam a ter uma MENTE DOBRE.

Sempre que vemos uma restauração que não está sendo bem sucedida em tempo hábil, mesmo quando elas dizimam, o Senhor sempre parece nos mostrar que esse é outro princípio CHAVE que está por trás do problema.

Algumas de vocês, como muitas outras que fazem parte do RMI, podem ter vindo de algum um Ministério de Persistência, OU podem ter buscado ajuda profissional com um terapeuta, ou talvez tenham se aconselhado com o seu próprio pastor/padre.

É muito perigoso receber ajuda de duas fontes, isso é o que chamamos de ter uma mente dobre.

“Peça-a, porém, com fé, sem duvidar, pois aquele que duvida é semelhante à onda do mar, levada e agitada pelo vento. Não pense tal pessoa que receberá coisa alguma do Senhor, pois tem mente dividida e é instável em tudo o que faz.” — Tiago 1:6-8

“Odeio os que são inconstantes, mas amo a tua lei.” —Salmos 119:113

A Lei de Deus, como todas as leis, foi criada para a nossa PROTEÇÃO. A mente dobre (inconstância) nos faz perder a fé que precisamos para crer em Deus e nos faz seguir princípios contrários, assim como acontece quando tomamos remédios que causam efeitos nocivos.

Quando você está sob os cuidados de um médico, ele é sempre cuidadoso para procurar saber se você está tomando outros medicamentos, vitaminas ou até mesmo alguma comida que possa causar algum efeito prejudicial. Nosso Médico faz a mesma coisa.

"Acaso, não há bálsamo em Gileade? Ou não há lá médico? Por que, pois, não se realizou a cura da filha do meu povo?" —Jeremias 8:22

A razão pela qual a maioria das mulheres nunca são restauradas é devido à cura superficial que elas recebem, geralmente através de técnicas baseadas em psicologia, as quais são usadas por terapeutas e muitos pastores/líderes de igrejas. O único terapeuta que você precisa é Aquele que é chamado o Príncipe da Paz!

"Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz;"— Isaías 9:6.

3. Dê

Você pode estar pensando, “Eu dou o dízimo, portando já ESTOU dando!”. Não, você não está dando o seu dízimo, você simplesmente não está mais roubando a Deus. DAR é diferente.

"Roubará o homem a Deus? Todavia, vós me roubais e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas. Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, vós, a nação toda."—Malaquias 3:8-9

E quando falamos em dar não significa que estamos pedindo ou sugerindo que você dê mais dinheiro a alguém. Apenas relaxe e deixe-nos terminar o último princípio chave.

Com cada princípio, você aprenderá que a maneira de Deus é o oposto da maneira do mundo – e provavelmente é assim que você tem vivido.

Quando a maioria das pessoas se dão conta de que estão com uma necessidade, elas saem e conseguem o que precisam, ganham ou fazem alguma outra coisa que faça sentido. Mas a única coisa que funciona é aquilo que Deus diz. Ele é Aquele que colocou o mundo e seus princípios em movimento, portanto, essa é a única coisa que você verá funcionando realmente!

Ele diz que quando temos uma necessidade, devemos DAR para que possamos receber!!

"Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos darão; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também."—Lucas 6:38

Mais uma vez, nós queremos ASSEGURAR o seu sucesso, e sendo assim, esse princípio é um requerimento, não simplesmente uma sugestão.

Em cada uma das áreas em que você precisa que Deus lhe dê, você precisa primeiro DAR.

* Se você precisa de encorajamento, então você precisa DAR encorajamento.

* Se você precisa de perdão, então você precisa DAR o perdão.

* Se você precisa de bênçãos financeiras, então você precisa DAR financeiramente.

* Se você está vindo a este ministério apenas para RECEBER, então você sairá sem nada.

Nós pedimos que você passe adiante o encorajamento que recebe de nós. Em outras palavras, esteja aberta e pronta para dar encorajamento a todos à sua volta. Muito em breve isso se tornará uma nova maneira de viver – uma vida próspera e emocionante!

Deixe-me concluir compartilhando essa verdade com você. Haverá muitos outros princípios que você aprenderá durante a sua jornada de restauração, mas, quando você começar a seguir esses TRÊS princípios chave, cremos que você será abençoada, além daquilo que espera – muito mais do que você jamais sonhou!

"Mas, como está escrito: Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam." —1 Coríntios 2:9

“Se me amais, guardareis os meus mandamentos.” —João 14:15

“...E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” João 8:32

Agora é hora de Clicar Aqui e derramar o seu coração para o Senhor ao preencher o seu formulário “O que Eu Aprendi”.