Como tudo isso começou?

Somos casados há 10 anos e temos 2 filhas lindas. Acredito que, como todas que chegam ao RMI buscando ajuda para atravessar esse deserto, eu fui uma tola que destruiu o próprio lar. Era contenciosa, orgulhosa, queria ser a dona da razão sem me importar se isso iria ferir meu esposo ou não. Eu tinha um emprego bacana, que gerava uma renda muito boa e por várias vezes eu jogava na cara do meu esposo que eu ganhava tanto quanto ele (teve época de ganhar até bem mais) e que por isso ele tinha tanto dever dentro de casa quanto eu. Não achava justo eu ter que cuidar da casa sozinha, já que colocava dinheiro dentro de casa e trabalhava as mesmas 8h que ele. Enfim, para resumir, não fui sábia o suficiente e minha soberba me levou ao deserto. Meu esposo foi ficando cada vez mais distante, até que me falou que sairia de casa assim que arrumasse um lugar para ficar. Minha soberba era tamanha que nem levei fé no que ele disse, pois várias outras vezes ele dizia isso e eu contornava a situação… fazia promessas e mais promessas de que melhoraria, mas não durava muito e eu voltava a ser a mesma de sempre. Um dia perdi o emprego e no fundo achei que seria ótimo, pois conhecendo-o como o conhecia eu estava certa de que ele jamais me abandonaria. Como os dias iam passando e ele não saía de casa, fui ficando cada vez mais confiante de que ele desistiria da ideia. Minha ficha só caiu no dia que ele entrou em casa, dizendo que faria as malas e que partiria naquela manhã. Fiquei sem chão. Passei por tudo isso sozinha, nem para os meus pais eu contei, pois não queria que eles ficassem com raiva de meu esposo quando ele voltasse. Contava apenas para pessoas que como eu, acreditavam que Deus poderia reverter a situação e restaurar meu casamento. Eu não precisava de conselhos de quem pensasse diferente da Palavra de Deus. Ele odeia o divórcio. Então me cerquei de quem acreditava nisso e me dava forças para continuar minha jornada.

Como Deus transformou você & Ele transformou a sua situação conforme você O buscou de todo o coração?

Nesse dia, completamente sem rumo, caí aos pés do Senhor. Pude perceber que ele saía de minha vida não por falta de amor, mas porque eu tinha de fato me tornado uma esposa horrível. Egoísta, egocêntrica, auto suficiente e por aí vai … primeiramente pedi perdão a Deus por ter me tornado essa tola e por ter construído meu lar na areia. Quantas vezes meu marido me implorou por atenção e disse exatamente o que eu deveria fazer para salvar meu casamento… e ainda assim, eu ignorava seus apelos… quanta tolice… depois, eu entrei em todos os sites de pedidos de oração e pedia que intercedesse por minha família. Achava que quanto mais gente orando por mim, mais rápida seria a restauração… vejam só! Cheguei ao cúmulo de entrar em mais de 150 sites para pedir.

Deus foi misericordioso comigo e logo pude perceber o quanto fui tola. Meu esposo já tinha dito que eu tinha que mudar meu jeito de ser, mas não lhe dava ouvidos. Mas Deus me fez perceber isso no momento que ele pôs os pés para fora de casa. Minhas primeiras orações eu pedia que ele me moldasse e que ajudasse a ser uma mulher segundo Seu coração.

Até que encontrei o site do RMI, comecei os cursos e devorei o Livro “Como Deus Pode e Vai Restaurar o Seu Casamento” em menos de 02 dias.

Quais os princípios, da Palavra de Deus (ou princípios dos nossos recursos), que o Senhor te ensinou durante essa provação?

Passei a colocar os princípios do livro em prática e me apeguei a seguinte passagem: “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.” Eclesiastes 3,1. Depois de alguns meses de sofrimento – o que é esperado para todos que passam por essa situação – Deus colocou em meu coração que tudo era uma questão de tempo. Eu tinha isso muito claro na minha cabeça. Que em questão de tempo, ele voltaria, independente do rumo que nossas vidas tivessem tomado. Quando entendi o princípio do “deixar ir” e descansar em Deus, as coisas ficaram menos dolorosas para atravessar o deserto.

Quais foram as horas mais difíceis que o Senhor te ajudou a atravessar?

No começo, eu buscava informações pelas redes sociais, mas fiquei sabendo que ele estava se relacionando com OM.. mas nada disso abalou a minha fé. Passei a orar cada vez mais por ele, para que Deus o livrasse de tudo o que o levava para longe de Sua vontade – o que incluía a nossa família – e claro, afastá-la de meu esposo. E sendo Deus o criador da família, Ele mais do que ninguém era interessado em restaurá-la. E eu sabia que Deus estava ali comigo, me amparando e consolando. Por várias noites senti a presença de Deus em meio aos meus prantos… Meu MT se mudou da cidade que morávamos, pois também perdera o emprego. Ficava na casa do irmão, do tio, da mãe, da tia… pulava de casa em casa, sem ter um teto fixo. Passei a contar somente com Deus, pois além de tudo, eu morava há mais de 3h de viagem de meus pais.

Qual foi o “ponto de virada” de sua restauração?

Quase todas as vezes, os poucos encontros com meu esposo eram frios, ele quase não falava comigo, tinha o olhar frio, mas ao mesmo tempo triste… por mais que ele jogasse na minha cara que estava feliz e que estava tocando a vida (e me mandava seguir a minha também), eu via em seu olhar que ele tentava me passar uma impressão de algo que era uma mentira. Mesmo assim, cada vez que eu sabia que o veria, eu pedia sabedoria a Deus para ser amável independente do que eu visse ou ele dissesse. Às vezes eu arrumava algum pretexto para ele falar comigo por telefone… Mas o tempo passava e nada dele me procurar… então aos poucos fui deixando pra lá. Cheguei ao ponto que decidi parar de sofrer e que nem por ele, nem pela OM, nem por meu casamento eu oraria mais. Pediria apenas que a vontade de Deus se fizesse em nossas vidas. Creio que nesse ponto eu passei a descansar no Senhor. Nessa altura, eu cheguei a ficar 01 mês sem trocar uma palavra com ele e sem nem o vê-lo, pois nos finais de semana que ele ficava com as crianças, ele as levava a escola na segunda-feira, evitando me ver.

Mesmo sem emprego, nunca me faltou nada dentro de casa. Deus sempre tocava o coração de meus pais para prover o que estivesse faltando, sem eu nem comentar com eles.

Compartilhe conosco COMO isso aconteceu. Seu marido simplesmente apareceu? Você suspeitou que isso estava perto disso acontecer?

Minha filha mais nova, depois de um passeio que fizemos, ficou muito doente. Quando eu estava a caminho do hospital, do nada meu esposo entrou em contato por mensagem perguntando sobre as crianças…não omiti e falei a verdade. Preocupado, ele me pediu para ligar para ele para dizer o que ela tinha e terminou a mensagem perguntando se eu queria que ele viesse na minha casa para me ajudar com ela. Não respondi e pedi a Deus sabedoria para responder a mensagem. Ela estava com pneumonia. Liguei para ele 2 vezes e ele não atendeu, mas mais tarde ele me ligou. E resolveu ir para casa, ficando lá por 3 dias. Mas eu vi chegar uma mensagem da OM no seu celular e fiquei desnorteada, que cheguei a passar mal e a vomitar…No banheiro, pedi forças a Deus para que esta investida dela não me abatesse e que aquela estadia dele fosse da melhor maneira possível. E graças a Ele, foi! A partir de então, as idas lá em casa aos finais de semana passaram a ser mais frequentes. Com o dinheiro escasso, ir buscar as crianças e voltar para cidade que eu morava era caro, então ele passou a ir e a ficar na minha casa nos finais de semana que eram dele. Passeávamos e passávamos momentos em família que há muito tempo não tínhamos.

Ele estava morando com um tio com quem se desentendeu e assim me pediu para ficar em nossa casa por um tempo. Então aceitei, sempre pedindo a Deus sabedoria. Depois de tanto tempo, voltamos a ter intimidade, pois fazíamos tudo juntos. No aniversário de nossa caçula, eu passei a ser apresentada como a esposa dele e desde então, para honra e glória do Senhor, nosso casamento vem sendo restaurado, pois Ele está fazendo a Sua obra em nós.

Você recomendaria algum dos nossos materiais em particular que te ajudou?

Sim, claro.

Você estaria interessadas em ajudar a encorajar outras mulheres?

sim

De qualquer forma, qual o tipo de encorajamento que você gostaria de deixar para as mulheres, em conclusão?

Não desistam de suas famílias. Mantenham seu foco em Deus e não nas circunstâncias. Deus honrará cada lágrima, cada joelho no chão, porque Ele é contigo!


Clique AQUI e leia mais incríveis testemunhos de casamentos restaurados.